icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
21/08/2015
10:38

Com um início mais do que animador, o atacante Paolo Guerrero vive um momento não tão bom no clube, já que está há mais de um mês sem balançar as redes. A seca já dura cinco partidas entre Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil.

Com três gols anotados até o momento em oito partidas disputadas, a última vez que o peruano correu para os braços da torcida foi no triunfo diante do Grêmio, por 1 a 0, na estreia dele pelo Rubro-Negro no Maracanã, no dia 18 de julho.

Mesmo com o jejum, o técnico Oswaldo de Oliveira ressalta a qualidade do camisa 9 e a importância de ter um jogador como ele no elenco.

– O Guerrero é um dos melhores do mundo. Tem experiência, qualidade na área, é muito bom ter um jogador como este no elenco – destacou o novo treinador rubro-negro.

Nesta temporada, o artilheiro do Flamengo é Marcelo Cirino e Alecsandro, que já defende o Palmenras. Ambos têm 11 tentos. No Brasileirão, o peruano está atrás de Everton, Alan Partick e Emerson Sheik.

OS OITO JOGOS DE GUERRERO

INT 1 x FLA 2
8/7 – Beira-Rio Guerrero estreou contra o Internacional, fez gol e deu passe para o outro, de Everton.

NAU 0 x FLA 2
15/7 – Arena Pernambuco. O peruano fez um dos gols que garantiram a permanência na Copa do Brasil.

FLA 1 x GRE 0
18/7 – Maracanã. Ao lado da torcida pela primeira vez, o camisa 9 garantiu a vitória do Fla.

GOI 0 x FLA 1
26/7 – Serra Dourada. Não fez gol, mas deu passe para Marcelo Cirino decidir o jogo.

FLA 2 x SAN 2
2/8 – Maracanã. Pouco acionado na partida, o jogador passou em branco e levou um amarelo.

PON 1 x FLA 0
9/8 – Moisés Lucarelli. Guerrero cabeceou uma bola na trave, mas levou cartão por reclamação.

PAL 4 x FLA 2
16/8 – Allianz Parque. O jogador se envolveu em um lance polêmico na área, mas o juiz não deu pênalti.

FLA 0 x VAS 1
19/8 – Maracanã. Perdeu um gol incrível na cara de Martín Silva, e passou novamente em branco.


Com um início mais do que animador, o atacante Paolo Guerrero vive um momento não tão bom no clube, já que está há mais de um mês sem balançar as redes. A seca já dura cinco partidas entre Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil.

Com três gols anotados até o momento em oito partidas disputadas, a última vez que o peruano correu para os braços da torcida foi no triunfo diante do Grêmio, por 1 a 0, na estreia dele pelo Rubro-Negro no Maracanã, no dia 18 de julho.

Mesmo com o jejum, o técnico Oswaldo de Oliveira ressalta a qualidade do camisa 9 e a importância de ter um jogador como ele no elenco.

– O Guerrero é um dos melhores do mundo. Tem experiência, qualidade na área, é muito bom ter um jogador como este no elenco – destacou o novo treinador rubro-negro.

Nesta temporada, o artilheiro do Flamengo é Marcelo Cirino e Alecsandro, que já defende o Palmenras. Ambos têm 11 tentos. No Brasileirão, o peruano está atrás de Everton, Alan Partick e Emerson Sheik.

OS OITO JOGOS DE GUERRERO

INT 1 x FLA 2
8/7 – Beira-Rio Guerrero estreou contra o Internacional, fez gol e deu passe para o outro, de Everton.

NAU 0 x FLA 2
15/7 – Arena Pernambuco. O peruano fez um dos gols que garantiram a permanência na Copa do Brasil.

FLA 1 x GRE 0
18/7 – Maracanã. Ao lado da torcida pela primeira vez, o camisa 9 garantiu a vitória do Fla.

GOI 0 x FLA 1
26/7 – Serra Dourada. Não fez gol, mas deu passe para Marcelo Cirino decidir o jogo.

FLA 2 x SAN 2
2/8 – Maracanã. Pouco acionado na partida, o jogador passou em branco e levou um amarelo.

PON 1 x FLA 0
9/8 – Moisés Lucarelli. Guerrero cabeceou uma bola na trave, mas levou cartão por reclamação.

PAL 4 x FLA 2
16/8 – Allianz Parque. O jogador se envolveu em um lance polêmico na área, mas o juiz não deu pênalti.

FLA 0 x VAS 1
19/8 – Maracanã. Perdeu um gol incrível na cara de Martín Silva, e passou novamente em branco.