Flamengo x Bangu

Ederson voltou a jogar depois de mais de três meses fora de combate (Foto: Cleber Mendes/Lancepress!)

LANCE!
06/03/2016
08:00
Volta Redonda (RJ)

A vitória do Flamengo sobre o Bangu, por 3 a 1, no sábado, teve gosto especial para um personagem: o meia Ederson. De volta aos gramados após mais de três meses, o camisa 10 começou entre os titulares - que, na realidade, são os reservas - e jogou 70 minutos dos 90 possíveis. Entre passes, tentativas de dribles e algumas arrancadas, ele demonstrou estar bem fisicamente, mas ainda com falta de ritmo, o que é natural. Algo que o próprio confirma.

- Foi um bom retorno, com vitória que é o mais importante. Me senti bem, mas ainda me falta ritmo e força nas pernas, o que vem com o passar do tempo. Estou feliz por ter voltado. É importante terminar com vitória essa primeira fase do Campeonato Carioca - disse o meia, antes de deixar o gramado do Raulino.

Ederson também foi elogiado pelo técnico Muricy Ramalho após a partida. O treinador, aos poucos, deve utilizá-lo mais, justamente para dar ritmo de jogo ao camisa 10, que pode jogar tanto como meia recuado quanto de ponta esquerda, onde atualmente joga o atacante Emerson Sheik.

- Foi até onde deu para aguentar. Falta jogo a ele. Está distante do que é porque hoje jogou num campo maior e vem treinando em campo reduzido. Hoje (sábado) ele atuou no tempo de jogo programado - disse o técnico.

O Flamengo folga neste domingo e já na segunda-feira inicia a preparação para o jogo contra o Figueirense, quarta, em Brasília, pela Primeira Liga. No Estadual, a estreia na Taça Guanabara deve ser apenas no fim de semana. O adversário ainda será definido, pois depende das classificações dos grupos A e B.