HOME - Atlético-MG x Figueirense - Copa do Brasil - Alex Muralha (Foto: Dudu Macedo/Fotoarena/LANCE!Press)

Alex Muralha destacou-se no Brasileirão (Foto: Dudu Macedo/Fotoarena/LANCE!Press)

Pedro Barboza
02/01/2016
07:05
Rio de Janeiro (RJ)

A busca por reforços no Flamengo segue incessável nos últimos dias antes do início da pré-temporada. E o goleiro Alex Muralha deve ser o próximo jogador da lista para integrar o quadro de contratações para os próximos anos. Após longa negociação, as partes chegaram a um denominador comum e, assim, a tendência é de que o arqueiro – que teve grande destaque na última edição do Campeonato Brasileiro –, se apresente no Rubro-Negro já na próxima quarta-feira, na reapresentação da delegação, na Gávea, para findar os trâmites e, por fim, assinar o vínculo até dezembro de 2019.

Para adquirir parte dos direitos de Alex Muralha, o Flamengo ofereceu ao Figueirense uma quantia de aproximadamente R$ 4 milhões, valor que foi visto com bons olhos pelos dirigentes catarinenses.

Recentemente, o diretor-executivo Rodrigo Caetano afirmou que um goleiro não era a prioridade nas contratações. Entretanto, com o avaço das conversas com o Figueirense, o clube mostrou-se bastante interessado em relação ao custo-benefício para o Rubro-Negro, em relação a valores e qualidade do arqueiro.


Antes mesmo do fim do Campeonato Brasileiro, Muralha revelou o interesse de alguns clubes brasileiros, mas deixou claro que só avaliaria um a um após o fim da competição. Ele, no entanto, fez questão de ressaltar a vontade de permanecer em Florianópolis, já que ainda tinha mais três anos de contrato pela frente com o Figueira. Atualmente, o goleiro tem contrato com o time catarinense até o fim de 2018.


Com 26 anos, o goleiro chega para brigar com o titular Paulo Victor, que não teve uma temporada estáve, por conta de duas lesões sérias – uma concussão no rosto, durante o Carioca, que o tirou de campo por aproximadamente um mês e meio, além de uma fratura no tornozelo direito, que o afastou dos gramados por um período semelhante no meio do ano. Vale destacar que o arqueiro rubro-negro assumiu a vaga de Felipe, em meados de 2014, que logo em seguida transferiu-se para o Figueirense. Lá, não teve chances por conta das boas atuações de Muralha.

Com o acerto, o Flamengo terá cinco goleiros: Paulo Victor, Cesar, Daniel, Thiago, e o próprio Muralha. A tendência é que um seja emprestado.