icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
20/08/2015
11:47

Em busca de um atacante, a Inter de Milão segue atrás de Guerrero e os italianos enviaram uma nova sondagem ao Flamengo, afirma matéria publicada pelo site da ESPN na manhã desta quarta-feira. A oferta seria de R$ 50 milhões, R$ 15 milhões a mais do que o mesmo clube teria proposto ao Rubro-Negro há duas semanas, em consulta inicial pelo centroavante. A reportagem do LANCE!, porém, apurou que a sondagem italiana não chegou para diretoria de futebol do Fla e ao diretor-executivo rubro-negro, Rodrigo Caetano.

O L! também tomou conhecimento de que, mesmo se vier uma oferta oficial nas mãos da diretoria rubro-negra, ela não aceita negociar Guerrero sem ser com o pagamento integral da multa rescisória. A matéria da ESPN afirma que a multa é de aproximadamente R$ 70 milhões.

Os rumores da suposta ida de Guerrero para a Inter de Milão nasceram em 3 de agosto, quando os sites italianos Calciomercato, FcInterNews e Webcalcio escreveram sobre o interesse interista pelo atacante. No mesmo dia, o presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, descartou a possibilidade de adeus do peruano.

- Nenhuma chance do Paolo ir para a Inter de Milão. Ele tem contrato até 2018 e vai continuar conosco. Já virou ídolo da torcida, é exatamente o que esperávamos dele - disse Bandeira de Mello, em entrevista à Rádio Bradesco FM.

Três dias depois, em 6 de agosto, o próprio Guerrero minimizou as matérias vindas do exterior.

-  São rumores que a imprensa, por aí, tira alguma informação de sites internacionais. Para mim, não chegou nada (de proposta), estou feliz no Flamengo. Vou continuar aqui, esperando conquistar alguma coisa importante - afirmou Guerrero, em entrevista ao SporTV.

* Com apuração de Pedro Barboza

E MAIS:
> Cristovão deixa o comando do Flamengo. Ex-Palmeiras é o favorito para assumir
> ENQUETE: O Flamengo acerta ao trocar de técnico mais uma vez? Opine!

Em busca de um atacante, a Inter de Milão segue atrás de Guerrero e os italianos enviaram uma nova sondagem ao Flamengo, afirma matéria publicada pelo site da ESPN na manhã desta quarta-feira. A oferta seria de R$ 50 milhões, R$ 15 milhões a mais do que o mesmo clube teria proposto ao Rubro-Negro há duas semanas, em consulta inicial pelo centroavante. A reportagem do LANCE!, porém, apurou que a sondagem italiana não chegou para diretoria de futebol do Fla e ao diretor-executivo rubro-negro, Rodrigo Caetano.

O L! também tomou conhecimento de que, mesmo se vier uma oferta oficial nas mãos da diretoria rubro-negra, ela não aceita negociar Guerrero sem ser com o pagamento integral da multa rescisória. A matéria da ESPN afirma que a multa é de aproximadamente R$ 70 milhões.

Os rumores da suposta ida de Guerrero para a Inter de Milão nasceram em 3 de agosto, quando os sites italianos Calciomercato, FcInterNews e Webcalcio escreveram sobre o interesse interista pelo atacante. No mesmo dia, o presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, descartou a possibilidade de adeus do peruano.

- Nenhuma chance do Paolo ir para a Inter de Milão. Ele tem contrato até 2018 e vai continuar conosco. Já virou ídolo da torcida, é exatamente o que esperávamos dele - disse Bandeira de Mello, em entrevista à Rádio Bradesco FM.

Três dias depois, em 6 de agosto, o próprio Guerrero minimizou as matérias vindas do exterior.

-  São rumores que a imprensa, por aí, tira alguma informação de sites internacionais. Para mim, não chegou nada (de proposta), estou feliz no Flamengo. Vou continuar aqui, esperando conquistar alguma coisa importante - afirmou Guerrero, em entrevista ao SporTV.

* Com apuração de Pedro Barboza

E MAIS:
> Cristovão deixa o comando do Flamengo. Ex-Palmeiras é o favorito para assumir
> ENQUETE: O Flamengo acerta ao trocar de técnico mais uma vez? Opine!