LANCE!
31/10/2017
07:00
Rio de Janeiro (RJ)

A cada desarme, aplausos da arquibancada. O zagueiro Juan vive um momento especial no Flamengo, comandando a zaga rubro-negro que não foi vazada nos últimos dois clássicos, contra Fluminense e Vasco. No alto dos seus 38 anos, ele vem recebendo cada vez mais elogios pelo rendimento e também pela classe.

- É muito satisfatório, fico muito grato pelo comportamento de Juan, jogou quarta e sábado. Ele em um estilo clássico, liderança extraordinária, é muito positivo para o Flamengo, é excepcional, esperamos tê-lo na quarta (amanhã) outra vez - disse o técnico colombiano, Reinaldo Rueda, após o empate com o Vasco.

Juan tem contrato com o Flamengo até o fim do ano, mas a renovação de contrato é praticamente certa. O defensor mostrou que ainda tem 'lenha para queimar' e ganhou a condição de titular após uma lesão de Rhofolfo, com quem agora faz dupla de zaga, na ausência de Réver, lesionado.

Rhodolfo, inclusive, foi outro a elogiar o desempenho de Juan. Ele usou uma expressão curiosa para descrever o talento do companheiro.

- Sempre vinha treinando forte, tentando elevar o máximo meu nível, mas sempre vinha revezando com Juan. Juan é um pouco mais velho (risos), mas sempre fui fã. Jogar do lado dele é uma honra. O cara joga de terno, como dizem aí. Além de ser excelente pessoa. Acho que conseguimos manter o nível da zaga - comentou.

Flamengo já falou abertamente sobre interesse em renovação

O presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, não esconde o interesse em renovar o contrato de Juan. A diretoria rubro-negra estuda oferecer mais um ano de vínculo ao defensor.

- Consideramos o Juan um patrimônio do Flamengo. Está totalmente identificado com o Flamengo, é um rubro-negro desde criança e com certeza a solução vai ser o que for melhor pra ele, para o Flamengo e do jeito que ele está jogando, parece que vai jogar até os 50 anos de idade - disse Bandeira ao Esporte Interativo.

Juan participou de 30 jogos do Flamengo neste ano. Ele foi preservado em algumas ocasiões, para evitar um maior desgaste físico, mas vai encarar o terceiro clássico consecutivo amanhã, diante do Fluminense.

Como o zagueiro é muito identificado com o Flamengo, há possibilidade dele ocupar algum cargo no clube no futuro, quando se aposentar. Desde o fim do ano passado, o Rubro-Negro já estudava a possibilidade.

- Talvez, no final de 2017, haja um outro plano para o Juan seguir no Flamengo e, principalmente, respeitando o desejo dele e sua futura qualificação - disse Rodrigo Caetano, em 2016, ainda sem ter ideia do que Juan poderia apresentar nesta temporada.