HOME - Flamengo x Confiança - Copa do Brasil - Marcelo Cirino (Foto: Pedro Martins/AGIF/LANCE!Press)

Marcelo Cirino não balança a rede pelo Flamengo há sete jogos (Foto: Pedro Martins/AGIF/LANCE!Press)

Matheus Dantas
01/06/2016
18:29
Rio de Janeiro (RJ)

O técnico Zé Ricardo adotou a estratégia de mistério total para o jogo do Flamengo contra o Vitória. Nesta quarta-feira, o Rubro-Negro treinou com os portões fechados no CT do Ninho do Urubu. Após a atividade, o atacante Marcelo Cirino confirmou que nem os próprios jogadores já sabem se atuarão.

- O professor (Zé Ricardo) treinou dois times diferentes ontem (terça-feira) e hoje (quarta). É um mistério até para mim, mas espero estar entre os 11 titulares - comentou o atacante.

Para esta partida, Everton está disponível, e Cuéllar deve voltar ao time titular, embora ainda seja dúvida por causa de dores no tornozelo esquerdo. Se não puder jogar, Márcio Araújo deve seguir no time. Zé Ricardo deve estar o Flamengo com: Alex Muralha, Rodinei, Léo Duarte, César Martins e Jorge; Cuéllar (Márcio Araújo), Willian Arão, Alan Patrick e Everton; Marcelo Cirino e Felipe Vizeu.

O duelo diante do Vitória ganhou ares decisivos para o Flamengo no Brasileiro. Vindo de um importante resultado diante da Ponte Preta em Campinas, o Rubro-Negro pode afastar de vez a crise da Gávea com um novo triunfo.

Além disso, se o time apresentar um bom futebol sob o comando de Zé Ricardo, o nome do ex-técnico da equipe sub-20 deve ganhar força para ser efetivado.  O atacante Marcelo Cirino avaliou os primeiros dias de trabalho com o treinador.

- A gente vem dando todo liberdade para ele (Zé Ricardo) colocar seu trabalho. É claro que ele vem de uma categoria diferente, até uma pressão diferente dos profissionais. Estamos procurando obedecer o que é pedido para nos encaixarmos no estilo do trabalho dele - explicou Marcelo Cirino.