Alan Patrick será titular novamente (Gilvan de Souza /Flamengo)

Alan Patrick deve começar jogando na noite desta quarta, em Volta Redonda (Gilvan de Souza /Flamengo)

LANCE!
20/04/2016
08:39
Rio de Janeiro (RJ)

Alan Patrick deu a receita para o Flamengo conseguir a classificação à segunda fase da Copa do Brasil: não desesperar com o passar do tempo. Precisando vencer o Confiança por dois ou mais gols de diferença – após a derrota por 1 a 0 no primeiro jogo -, o cronômetro será mais um adversário da equipe rubro-negra, mas o meia quer que o time jogue com inteligência para não cometer falhas que podem custar caro.

- Nós não podemos entrar no jogo deles. Temos de ter consciência de que vão vir fechados. Temos de fazer o que estamos fazendo nos últimos jogos. Claro que, quando o gol sai logo no início, é melhor, mas não pode ir para o desespero. É um jogo perigoso. A gente vem jogando bem, criando jogadas. Se o gol sair mais cedo, é melhor – disse.

Alan Patrick foi bem em campo, mas fora dele teve caso de indisciplina
Alan Patrick vem ganhando chances (Foto: Wagner Meier/Lancepress!)

Apesar de admitir uma grande pressão pela classificação, até pela diferença de investimento dos dois times, Alan Patrick afirma não ser uma vergonha e ressalta qualidades do Confiança.

- Não (é vergonha). Do outro lado tem jogadores de qualidade também, tanto que conseguiram um resultado positivo na casa deles. Mas claro que, quando se veste a camisa do Flamengo, tem uma responsabilidade maior. A gente procura entrar em campo para honrar isso. Vamos fazer de tudo para conquistar essa vaga. Estamos bem preparados e focados – avisa.


Por ter todas as fases em sistema mata-mata, o meia pede o ‘chip’ da Copa do Brasil esteja ligado:
- Temos de saber jogar a competição, ligar o ‘chip’ da Copa do Brasil. Equipe vem fazendo bons jogos e espero isso se mantenha dessa maneira: que a equipe não sofra gols e consiga a vitória para passar.