Rafael moura será apresentado nesta sexta no Figueira (Foto: Divulgação / Site Oficial Figueirense)

Atacante iniciou processo de transição nesta quinta-feira (Foto: Divulgação / Site Oficial Figueirense)

RADAR/LANCE!
22/09/2016
21:01
Florianópolis (SC)

Rafael Moura, atacante do Figueirense, segue tratando sua lesão na coxa. Jogador iniciou o processo de transição para deixar o departamento médico e voltar a trabalhar com o restante do elenco. Por ter uma boa cicatrização, lesão que poderia deixar de fora o camisa 9 por até seis semanas deve ser mais rápida. Centroavante já fez um trabalho de intensidade com bola.

Atacante não atua pelo Figueira desde a partida contra o São Paulo, no Estádio do Morumbi. Previsão inicial da ausência era de quatro a seis semanas, porém recuperação surpreendeu a todos e pode acontecer em menos tempo. Para o duelo contra o Santa Cruz, neste domingo, jogador ainda não tem condições.

Esperança do time catarinense é poder contar com Rafael Moura até a partida contra o Internacional, que acontece no dia primeiro de outubro, no Estádio do Beira-Rio. Atacante seguirá se recuperando, mas Departamento Médico não quer correr risco de uma nova lesão.