Roy

Hodgson tem contrato somente até o fim da competição (Foto: Handout / Getty Images Europe / AFP)

LANCE!
26/06/2016
20:25
Nice (FRA)

O técnico da Inglaterra, Roy Hodgson fez questão de elogiar o comandante da Islândia, Lars Lagerback, pelo que os 'Homens de Gelo' vêm apresentando nesta Eurocopa. A equipe chegou às oitavas de final em sua primeira participação no torneio.

- Ele merece uma estátua por sua grande contribuição para o futebol da Islândia. Há muito tempo, esse time vem sendo tremendamente difícil de bater. As possibilidades de quem façam uma estátua para ele são bem maiores que façam uma para mim na Inglaterra. Não conheço o outro treinador, que tenho certeza que tem um papel muito importante no time também, mas a experiência e a sabedoria de Lagerback são decisivas - disse Hodgson, referindo-se a Heimir Hallgrimsson, que também é treinador da Islândia.

O jogo está marcado para as 16h desta segunda-feira, no Estádio Allianz Riviera, em Nice. Apesar da diferença técnica entre as duas seleções, Roy Hodgson acredita que a partida será bastante complicada.

- Não conheco o povo islandês, mas conheço sim os outros nórdicos, e creio que a determinação que eles têm vem das duras condições em que vivem, o que é um fator importante em seu progresso. Aceitamos a condição de favoritos, mas não esperamos uma partida fácil - disse o treinador da Inglaterra, que começou sua carreira no Halmstad, da Suécia, em 1976.

Uma possível eliminação diante da Islândia pode acarretar na saída de Hodgson do comando da Inglaterra. Ele tem contrato somente até o fim da Eurocopa e pretende continuar no cargo.

Harry Kane - Inglaterra
Kane ainda não emplacou na Eurocopa (Foto: Jeff Pachoud / AFP)

- Cada resultado é importante para um treinador, e o jogo de amanhã é importante tanto para a equipe quanto para a moral do país. Creio que todos querem que eu siga no cargo.

Por fim, o técnico do English Team saiu em defesa de seus atacantes, que não vivem boa fase nesta Eurocopa.

- Desde o início do torneio estou feliz com meus atacantes. No futebol, você nunca sabe como um jogador vai responder a uma partida, mas quando você o escala é porque o vê todos os dias, o acompanha há anos. Eu tenho sorte, porque se algo não sai como previsto, tenho ótimas opções no banco para fazer mudanças.