Apresentação - França x Irlanda

França e Irlanda duelam por uma vaga nas quartas de final da Eurocopa

LANCE!
25/06/2016
21:40
Lyon (FRA)

O confronto entre França e Irlanda neste domingo, às 10h, no estádio Parc Olympique Lyonnais, em Lyon, vale mais do que uma vaga nas quartas de final da Eurocopa. É a primeira vez que as duas seleções se enfrentam após o fatídico episódio da mão de Henry, que acabou classificando os gauleses para a Copa do Mundo de 2010 e eliminando as chances dos irlandeses.

Em novembro de 2009, França e Irlanda disputavam a repescagem para o Mundial. Na primeira partida, vitória gaulesa fora de casa por 1 a 0. Na volta, o troco e o jogo foi para a prorrogação. Foi quando Henry recebeu de Wiltord, ajeitou duas vezes com a mão e cruzou para Gallas marcar, garantindo um lugar na Copa. O atacante foi considerado ‘inimigo de estado’ no Eire.

– O jogo de 2009 faz parte da história, aconteceu há seis anos e no futebol não existe vingança. Eles não podem vingar o que aconteceu, porque isso realmente passou e não há nada a fazer. Agora, eles podem sim escrever uma nova página na história do futebol deles, assim como nós no nosso. Esse jogo não tem nenhuma influência – disse o técnico Deschamps.

Os irlandeses preferiram não alimentar a polêmica de sete anos atrás. O defensor Richard Keogh preferiu não entrar em detalhes.

– Muita gente viu o que aconteceu nesse jogo, foi óbvio para nós e acho que para todos. Mas o importante é o que vai acontecer agora, estamos focados neste jogo

O'NEILL CRITICA DISTRIBUIÇÃO DE INGRESSOS

O técnico da Irlanda, Martin O'Neill, criticou os organizadores da Eurocopa 2016 por terem dado apenas 4,5 mil ingressos para os torcedores irlandeses no jogo contra a França, pelas oitavas de final. O Estádio de Lyon tem capacidade para 58 mil pessoas e estará tomado pelos fãs da seleção anfitriã.

— Eu tenho uma queixa sobre a distribuição de ingressos. É totalmente desproporcional para um estádio deste tamanho e deste brilho. Para nós, ou qualquer time que fosse jogar nas oitavas de final aqui, receber menos do que 5 mil ingressos é, eu acho, um tanto injusto, honestamente – disparou o comandante.

Martin O'Neill - Irlanda
O'Neill criticou organização da Euro (Foto: Handout / UEFA / AFP)

A Federação de Futebol da Irlanda revelou que teve que lutar para aumentar o número de ingressos destinados aos torcedores do país – a quantidade inicial era de 3,5 mil.

No triunfo sobre a Itália, em Lille, que garantiu a vaga dos irlandeses nas oitavas de final, 25 mil fãs estiveram no estádio.

– É totalmente desproporcional, e não é porque se trata de nós. Seria injusto para qualquer seleção – disse.