Bruno Rodrigo

Bruno Rodrigo confiante para início de trabalho na temporada (Foto: Divulgação/Washington Alves/Lightpress)

RADAR/LANCE!
27/01/2016
10:31
Rio de janeiro (RJ)

O Cruzeiro estreia na Primeira Liga nesta quarta-feira, contra o Criciúma, no Estádio Heriberto Hulse, em Criciúma, Santa Catarina, às 19h30, partida que marcará a estreia oficial de Deivid como treinador cruzeirense. O zagueiro Bruno Rodrigo reconhece que o confronto desta noite não será fácil, mas ressalta que a Raposa irá entrar em campo com a meta de conseguir os três pontos.

- Começo de ano foi muito bom, pré-temporada muito boa, trabalhos físicos, técnicos, foram bons. Dá para estrear em um bom nível. Claro que treinamento é diferente de jogo, mas será um bom parâmetro para a gente este jogo. Nós teremos de colocar muita vontade em campo, será um jogo disputado. Independentemente da competição a gente tem de entrar forte, buscar a vitória - disse Bruno, em entrevista coletiva, concedida na Toca da Raposa II, nesta terça.

Ex-auxiliar dos dois últimos treinadores do Cruzeiro, Vanderlei Luxemburgo e Mano Menezes, respectivamente, Deivid agora assume o comando da equipe definitivamente e tem sido muito elogiado pelo estilo ofensivo com que tem montado o time. Bruno Rodrigo é outro que elogia o técnico e se diz esperançoso na obtenção de sucesso no decorrer do trabalho.

- O treinador está começando agora, aos poucos vamos conhecendo mais o perfil dele. Ele gosta de estar com a bola, fala que se o time estiver com a bola não vai tomar gol. Ele gosta de um time compactado. O Deivid tem trabalhado toque de bola, aproximação da equipe, uma equipe compacta na parte ofensiva e defensiva. Se a gente levar isso para dentro de campo vamos ter sucesso. Facilita bastante manter uma boa base, isso é importante, os jogadores já se conhecem, sabe a característica de cada um, como joga - disse o zagueiro.

Reforços para esta temporada, os argentinos Matías Pisano e Sánchez Miño, o meia Bruno Nazário e o volante Marciel, que veio do Corinthians, ainda não foram regularizados e não jogam.