Protesto da torcida do Cruzeiro (Foto: Reprodução / Internet)

Renúncia de cúpula cruzeirense foi pedida (Foto: Reprodução / Internet)

RADAR / LANCE!
12/05/2016
13:58
Belo Horizonte (MG)

Nem mesmo o anúncio de Paulo Bento como novo técnico foi suficiente para acalmar os ânimos da torcida do Cruzeiro. Na madrugada de quarta para quinta-feira, os arredores da sede do clube foram tomados por faixas de protesto penduradas por torcedores criticando a diretoria celeste.

Além de as faixas dizerem que a atual cúpula do Cruzeiro prima por "amadorismo", "incompetência", e acusar o conselho de ser omisso, uma delas direcionou críticas aos dirigentes do clube. As renúncias do presidente celeste, Gilvan de Pinho Tavares, do diretor de futebol, Thiago Scuro, do vice de futebol, Bruno Vicintin e do vice-presidente Sérgio Rodrigues foram pedidas.

Antes de Paulo Bento acertar, o Cruzeiro teve três negativas de treinadores para assumir o comando do clube. As frustrações com Jorginho, Marcelo Oliveira e Ricardo Gomes, aliadas à eliminação para o América-MG no Estadual levaram à irritação dos torcedores.

O Cruzeiro faz sua estreia no Brasileirão contra o Coritiba, neste sábado, às 21h, no Couto Pereira.