Bruno Vicintin (Foto: Site Oficial / Cruzeiro)

Bruno Vicintin (Foto: Site Oficial / Cruzeiro)

RADAR/LANCE!
25/04/2016
15:25
Belo Horizonte (MG)

A diretoria do Cruzeiro não terá pressa para anunciar o substituto de Deivid, demitido no domingo após a eliminação no Campeonato Mineiro. Vice-presidente da Raposa, Bruno Vicintin não quis dizer quais nomes estão no radar do clube, mas deixou claro que o próximo profissional precisa ter um histórico recente de sucessos.

- Não existe principal alvo. Sobre nomes, a gente não comenta. Vamos analisar nomes disponíveis no mercado. Seja treinador novo ou velho. O que importa são os resultados, se este treinador vem de excelentes resultados. Se ele estiver livre no mercado, será mais rápido. Se estiver em final de Estadual, demorará um pouco mais e vamos esperar. Delamore comanda time interinamente até decisão ser tomada. Temos de pensar grande e em vitórias - afirmou.

Bruno também deixou claro que a preferência da diretoria do Cruzeiro é por um técnico brasileiro. Mesmo assim não descartou a possibilidade de um estrangeiro chegar na Toca da Raposa.

- A princípio, devemos buscar nome de técnico brasileiro. Mas um ou outro nome estrangeiro pode interessar - analisou.

O dirigente celeste também fez questão de elogiar Deivid e acredita que o agora ex-treinador do Cruzeiro terá sucesso na carreira.

- Deivid é uma pessoa muito querida no Cruzeiro por todos e ficamos chateados por tomar essa decisão. Deivid terá carreira brilhante. Mas é preciso resultado. Disputamos duas competições no ano e perdemos duas partidas. Mas as duas derrotas custaram eliminações. O Cruzeiro não entra para disputar, entra para ser campeão - finalizou.