Matías Pisano assina por três anos no Cruzeiro (Foto: Instagram / Cruzeiro)

Matías Pisano assina por três anos no Cruzeiro (Foto: Instagram / Cruzeiro)

LANCE!
18/03/2016
16:19
Belo Horizonte (MG)

O Cruzeiro vive um momento conturbado. Depois de a Minas Arena acionar o clube na justiça, cobrando R$ 9 milhões referentes à locação do Mineirão desde julho de 2013, foi a vez de o Independiente, da Argentina, tornar pública uma dívida alusiva à transferência de Matías Pisano, em janeiro deste ano.

A Raposa adquiriu o jogador por 1 milhão de dólares (R$ 3,57 milhões na cotação atual) mais o perdão da dívida do clube hermano de 700 mil dólares (R$ 2,5 milhões). Entretanto, os mineiros não pagaram a primeira parcela aos sul-americanos, no valor de 500 mil dólares (R$ 1,79 milhão).

Ezequiel Manera, empresário do meia-atacante, confirmou o débito do Cruzeiro com o clube da Argentina:

– Infelizmente, o Cruzeiro não cumpriu o trato e ainda não pagou a primeira parcela – disse ao Superesportes na manhã desta sexta-feira (18).

Caso o Cruzeiro não efetue o pagamento após a cobrança, o Independiente pode recorrer à Fifa para receber o valor.