Marcelo Oliveira - Cruzeiro (Foto: Washington Alves/VipComm)

Diretoria não fecha as portas para técnico bicampeão brasileiro (Foto: Washington Alves/VipComm)

RADAR / LANCE!
02/05/2016
14:19
Belo Horizonte (MG)

A busca do Cruzeiro por seu novo treinador teve uma nova tentativa frustrada. Em entrevista coletiva nesta segunda-feira, o vice de futebol, Bruno Vicintin, revelou um "não" de Marcelo Oliveira, técnico bicampeão brasileiro no clube celeste:

- Sobre o Marcelo, faço questão de falar: tenho ótima relação com ele. Trabalhei com ele por quase três anos. Eu era superintendente da base, e ele treinava o profissional. Muitos jogadores subiram para o time dele. Tivemos grandes resultados. Marcelo é uma pessoa que tenho ótimo relacionamento, e chegamos a conversar, mas ele colocou para o Cruzeiro que, a princípio, ele está pensando em projetos que não sejam no Brasil.

O dirigente, porém, não fechou as porta para o treinador:

- Acredito que um dia ele voltará a trabalhar no Cruzeiro. No futebol tudo pode mudar, mas, pelo que ele passou para nós, quer trabalhar fora do Brasil

Vicintin evitou citar nomes que estejam em pauta na diretoria, mas reconheceu que há dificuldades para contratar o sucessor de Deivid:

- Temos uma lista de nomes que estamos estudando. Claro que, em função dos Regionais e da Libertadores, muitos desses nomes estão empregados. Estamos trabalhando para anunciar o mais rápido possível.

O dirigente também despistou sobre a tentativa de contratar Jorginho, que no domingo garantiu sua permanência no Vasco:

- Sobre o Jorginho, nunca da parte do Cruzeiro partiu que havia uma proposta. Obviamente, muitas coisas são especuladas sobre o treinador. Sabemos da necessidade do treinador. Queremos tomar a decisão rápida, pois não há muitos nomes no mercado. Não queremos voltar a trocar treinadores nos próximos anos.