Ariel Cabral (Washington Alves/Lightpress)

Ariel Cabral lamentou resultado em São Paulo, mas elogia Cruzeiro (Washington Alves/Lightpress)

LANCE!
04/03/2016
20:05
Belo Horizonte (MG)

O Cruzeiro deve ter novidades em seu próximo compromisso válido pelo Campeonato Mineiro. à procura da equipe ideal, Deivid fez mudanças na escalação para o jogo contra a Caldense, neste domingo (6), às 18h30, pela sexta rodada. As alterações ocorreram na zaga, na lateral esquerda e no meio de campo.

Sem Dedé, com uma fratura no joelho direito, e Manoel, que se recupera de um edema na coxa, o treinador escalou Leo ao lado de Bruno Rodrigo. Na lateral esquerda, Fabrício foi sacado do time para a entrada de Sánchez Miño. Ariel Cabral passou a atuar ao lado de Henrique e Lucas Romero no meio de campo.

A equipe que treinou, na tarde desta sexta-feira (4), na Toca da Raposa II, tinha a seguinte escalação: Fábio; Fabiano, Leo, Bruno Rodrigo e Sánchez Miño; Henrique, Lucas Romero e Ariel Cabral; Alisson, Arrascaeta e Willian.

As alterações foram explicadas pelo comandante. Ele revela que a sua intenção é ter um time agressivo e com posse de bola:

– A minha ideia é que a gente possa ter um time muito agressivo e com bastante posse de bola. Por isso coloquei o Sánchez na lateral esquerda e o Ariel ali no meio para controlar o jogo e ser muito agressivo – afirmou.

Sobre a improvisação de Sánchez Miño na lateral esquerda e a entrada de Ariel Cabral em sua vaga no meio de campo, Deivid também se pronunciou:

– Opção minha. Tinha acompanhado o Sánchez no Estudiantes-ARG como lateral-esquerdo. Ele gosta de jogar ali. Dei oportunidade para ele, que tem qualidade. Ariel é a mesma característica que jogou no ano passado com o Mano. Não tenho dúvida de que fará uma grande partida.