RADAR/LANCE!
08/01/2017
21:25
Mogi das Cruzes (SP)

Precisando de apenas um empate para garantir a classificação para a segunda fase da Copinha, o Cruzeiro entrou em campo nesta noite de domingo contra o União Mogi e venceu por 2 a 0. O jogo foi realizado no estádio Nogueirão, em Mogi das Cruzes, e foi válido pela terceira rodada do grupo 22.

Antes de começar a partida, um fato triste aconteceu nas cabines do estádio. O presidente do União Mogi, Senerito Souza, infartou e precisou ser levado às pressas ao hospital. A partida só foi iniciada após o retorno da ambulância. No intervalo, a notícia sobre a morte do presidente chegou aos jogadores e torcedores, que prestaram um minuto de silêncio na saída de bola para o segundo tempo.

Os gols da partida foram marcados por Vander e Marco Antônio, ambos no segundo tempo.

O Cruzeiro foi melhor durante praticamente toda a primeira etapa, mas o União Mogi perdeu uma chance de ouro logo no início. O time da casa teve um pênalti a favor, mas Bochecha arriscou uma cavadinha nada boa e o goleiro Jonathan conseguiu fazer a defesa. Depois disso, só deu Cruzeiro. A Raposa teve sua melhor chance com Rick Sena, mas a zaga tirou em cima da linha. Nas proximidades da área, surgiram outras chances de perigo, seja nas cobranças de faltas ou na finalização de Thonny, que acertou o travessão.

O cenário superior não mudou na etapa final, mas, desta vez, rapidamente o time mineiro largou na frente. Aos três minutos, Vander recebeu cruzamento da direita e balançou as redes. Com a vantagem ainda maior após o gol, o Cruzeiro teve mais tranquilidade para administrar o marcador e explorar os espaços deixados pelo Mogi, em busca do empate. No apagar das luzes, pouco tempo depois de sair do banco, Marco Antonio recebeu pela esquerda e selou a vitória. 2 a 0 placar final.

Com o resultado, o Cruzeiro terminou em segundo no grupo e agora vai pegar o Bahia. No outro jogo da chave, o Bragantino venceu o River-PI por 4 a 0, terminou na liderança e agora vai enfrentar o Trindade.