Deivid (Foto: Divulgação/Washington Alves/Light Press)

Deivid também destacou importância de jogadores que entraram no segundo tempo (Foto: Divulgação/Washington Alves/Light Press)

RADAR/LANCE!
17/04/2016
15:34
Belo Horizonte (MG)

A derrota para o América-MG na tarde desse sábado, no Independência, mostrou um Cruzeiro aguerrido na primeira etapa, com boas chances de abrir o marcador e que foi surpreendido por um único lance do rival no final do período. O treinador Deivid lamentou o gol em lance de bola parada e pediu tranquilidade para reverter a vantagem que o oponente ampliou na segunda etapa.

- Começamos bem a partida, conseguimos controlar o jogo, mas tomamos um gol aos 42 minutos. Não podíamos tomar. Mais uma vez gol de bola parada. Ela não termina no primeiro lance. Temos de acompanhar até tirar da área. Agora é ter tranquilidade, esfriar a cabeça, ver onde erramos, para domingo poder reverter - disse o treinador.

Para Deivid, o Cruzeiro controlou o segundo tempo, mas não conseguiu criar as chances de gol, apesar do domínio territorial. Para o comandante, o América-MG aproveitou bem o lance de contra-ataque para definir a partida. O adversário valorizou a posse de bola e diminuiu os espaços da equipe celeste, o que dificultou as chances da Raposa.

- No segundo tempo tivemos mais controle que o América. É só ver o gol. O América jogou do meio para trás. Perdemos a posse de bola, e o rival fez o segundo gol. Faltou ter mais ambição. Na hora de fazer o gol. Todos estamos no mesmo processo. Não adianta falar. Vai ganhar jogando. Tivemos o controle do jogo. Temos o segundo jogo, e temos de reverter - finalizou.