Fábio trabalha na pré-temporada para mais um ano defendendo a camisa do Cruzeiro (Foto: Divulgação/Cruzeiro)

Fábio trabalha na pré-temporada para mais um ano defendendo a camisa do Cruzeiro (Foto: Divulgação/Cruzeiro)

LANCE!
19/01/2016
15:52
Belo Horizonte (MG)

A manutenção de grande parte dos jogadores que acabaram 2015 como titular do Cruzeiro não significará que a equipe atuará da mesma forma. Após o treino desta terça-feira, o capitão Fábio destacou algumas mudanças que o técnico Deivid, auxiliar de Mano Menezes na temporada passada, pretende fazer no time celeste.

- A equipe do Cruzeiro de 2016 é bem diferente. Biotipo de jogadores, muito velozes. Não tem jogador de referência para bater tiro de meta toda hora para ganhar primeira e segunda bola de cabeça - declarou o  goleiro ao site do Cruzeiro, antes de completar:

- Treinar bem para fazer bem as saídas de bola. Se não tiver opção, é preciso bater o tiro de meta para o meio do campo, para o time dar uma respirada. O Deivid gosta muito dessa bola sendo bem tocada, até mesmo o goleiro.  Já fazíamos isso, mas agora tende a melhorar - afirmou.

O lateral-direito Ceará, que acertou com o Coritiba, foi o único entre os titulares que deixou o clube. Além dele, Leandro Damião e o zagueiro Paulo André acertaram suas saídas. Para reforçar o elenco, a Raposa trouxe Douglas Coutinho, Sanchez Miño e Matias Písano, entre outros.

Após o bicampeonato brasileiro em 2013 e 2014 e uma temporada de altos e baixos em 2015, a meta do clube celeste em 2016 é voltar a brigar pelos principais títulos. Para Fábio, jogar bem é o primeiro passo para atingir tais objetivos.

- Temos que jogar em alto nível. Minha motivação é de jogar, ajudar e levar o Cruzeiro ás conquistas. E obter em 2016, com grupo jovem querendo títulos, voltar à Libertadores. E conquistar a Libertadores de 2017. Obter conquista de campeonato em 2016 e que possamos ir para a Libertadores de 2017 - concluiu.