Negueba (Foto: Divulgação/Site do Coritiba)

Negueba se destacou no último clássico entre Coritiba e Atlético-PR (Foto: Divulgação/Site do Coritiba)

RADAR/LANCE!
17/03/2016
08:55
Curitiba (PR)

No próximo domingo, o estado do Paraná vai parar para mais um Atletiba. Atlético Paranaense e Coritiba se enfrentarão pela décima rodada do Campeonato Paranaense e o jogo promete. O clássico sempre reserva surpresas para os torcedores e cria heróis dentro de campo. No último duelo entre os dois clubes, realizado no dia 20 de setembro de 2015, pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro, o atacante Negueba roubou a cena. Com direito a dancinha, o camisa 7 marcou um gol, deu uma assistência e foi o principal jogador na vitória de 2 a 0, no Couto Pereira.

Naquela ocasião, o triunfo sobre o Furacão foi fundamental para a equipe se manter fora da zona do rebaixamento e Negueba relembra da partida com muito carinho.

- Eu jamais vou esquecer daquele jogo. Foi muito importante porque vivíamos um momento complicado no campeonato e aquela vitória sobre o nosso maior rival nos deu mais confiança e força para seguir trabalhando com muito empenho contra o rebaixamento. Mesmo assim, depois ainda sofremos bastante, mas, graças a Deus, conseguimos nos manter na primeira divisão - disse Negueba.

Se depender do retrospecto de Negueba no Atletiba, a torcida Coxa Branca pode ficar tranquila. Desde que chegou ao clube, o jogador enfrentou os rivais duas vezes e venceu ambas por 2 a 0.

- Esses dados são legais e fico feliz em saber disso, mas o que vale é dentro de campo. Esses jogos já passaram e agora precisamos pensar na partida do fim de semana. Todo jogo contra o Atlético é muito difícil e domingo será bem complicado, ainda mais dentro da casa deles, com o apoio da torcida. Espero que a gente consiga impor o nosso ritmo e saia com a vitória - disse.

Líder em assistências do Coritiba na temporada passada, com oito passes, Negueba já marcou quatro gols pelo clube. Em 2016, o atacante deu uma assistência na vitória de 3 a 0 sobre o Foz do Iguaçu, pela segunda rodada do estadual, mas ainda não balançou as redes.

- Claro que o gol é o principal momento do jogo, mas eu não fico obcecado por isso, pois é algo que acontece naturalmente. Se sair no domingo, contra o Atlético, melhor ainda, mas me preocupo em fazer tudo o que o treinador pede. Sou um cara que me entrego de corpo e alma nos treinos e nos jogos, corro até o meu limite e tento ajudar a equipe da melhor maneira possível - analisou o jogador, que chegou ao Coritiba no início de 2015 e, desde então, entrou em campo 55 vezes, marcou quatro gols e deu nove assistências.

O Atletiba do próximo domingo será válido pela décima rodada do Campeonato Paranaense. O Coxa está em quarto lugar na tabela, com 14 pontos, dois a menos que o Furacão, terceiro colocado. A liderança da competição é do JMalucelli, que soma 20 pontos.