Alexandre Pato, atacante assina com o Chelsea (Foto: Divulgação)

Alexandre Pato, atacante assinou com o Chelsea (Foto: Divulgação)

Rodrigo Vessoni
30/01/2016
08:10
São Paulo (SP)

O técnico Tite não lamentou a saída de Alexandre Pato para o Chelsea, confirmada no fim da tarde desta sexta-feira. O comandante do Corinthians, porém, fez questão de dar um puxão de orelha no seu ex-comandado. De acordo com o treinador, há uma clara necessidade de o atacante se dedicar no dia a dia no Centro de Treinamento.

- Torço pelo sucesso do Pato. Que consiga amadurecer. Que conquiste o que Yago tem, boas tomadas de decisão. Que ele potencialize a qualidade técnica que tem, conduzindo nos treinamentos situações parecidas com as do jogo - afirmou o treinador, usando o defensor como exemplo.

- Na hora em que ele tiver treino parecido com jogo, vai desenvolver todo o potencial. Fico à vontade para falar porque gosto dele. Sem esse treino, fica um jogador inconstante - completou.

O Chelsea oficializou a contratação do atacante Alexandre Pato, assim como o período de seis meses do empréstimo junto ao Corinthians. O atacante brasileiro desembarcou em Londres na última quarta-feira, passou nos exames médicos e posou, enfim, com a camisa dos Blues. Em entrevista ao site do Chelsea, Pato repetiu o que havia falado há dois dias.

- Muito feliz de assinar com o Chelsea. Estou realizando um sonho e muito animado para conhecer meus novos companheiros. Agradeço ao clube e aos seus torcedores pela confiança - disse o atacante.

O clube inglês será responsável pelo salário do jogador, que será de 30 mil libras (R$ 173 mil) por semana. A intenção do Corinthians é renovar o compromisso do jogador, que vai até o fim deste ano. Depois de pagar R$ 40 milhões ao Milan em 2013 por Pato, ele poderia assinar pré-contrato com qualquer clube no meio deste ano, e o Timão ficaria sem receber nada pelo atacante.