Elias treinou na Colômbia e será titular mais uma vez nesta quarta (Foto: Daniel Augusto Jr)

Elias treinou na Colômbia e será titular mais uma vez nesta quarta (Foto: Daniel Augusto Jr)

Gabriel Carneiro
05/04/2016
18:49
Enviado especial a Bogotá (COL)

O Corinthians teve um treino conturbado nesta terça-feira no Estádio El Campín, em Bogotá, na Colômbia, palco do duelo contra o Santa Fe, nesta quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), pela Copa Libertadores. Após cerca de uma hora de treino, funcionários do local tentaram encerrar a atividade, preocupados com possíveis danos ao gramado, e irritaram a Tite. 

Uma equipe de seguranças do Timão impediu a entrada dos colombianos no campo num primeiro momento, e a atividade prosseguiu. Depois, Tite foi até os funcionários e, claramente incomodado, levou os atletas para trás de um dos gols para seguir o treinamento.

Em trabalho tático, o comandante alvinegro definiu que a escalação para a partida desta quarta será a mesma da derrota para o Palmeiras, no último domingo.

Novamente sem Rodriguinho, que não viajou para a Colômbia por conta de dores na coxa esquerda, Tite manteve o Timão com: Cássio, Fagner, Felipe, Yago e Uendel; Bruno Henrique, Giovanni Augusto, Elias, Guilherme e Lucca; André.

Sob chuva, os corintianos ensaiaram jogadas de saída de bola, e o treinador exigiu bastante de Felipe e Yago. Ele também trabalhou jogadas de bola parada, entre elas cobranças curtas de escanteio. Houve também cobranças de pênaltis, que têm sido um problema para a equipe nesta temporada. De seis infrações a seu favor em 2016, o Timão converteu apenas duas.

Se ganhar nesta quarta-feira o Corinthians garantirá a classificação para as oitavas de final da Libertadores. O Timão é líder do Grupo 8 com nove pontos, seguido por Santa Fe e Cerro Porteño (PAR), que tem sete.