HOME - Corinthians x Cobresal - Copa Libertadores - Torcida (Foto: Marcelo Machado de Melo/Fotoarena/LANCE!Press)

PNC está prestes a se fixar nacionalmente (Foto: Marcelo Machado de Melo/Fotoarena/LANCE!Press)

RADAR/LANCE!
19/05/2016
13:05
São Paulo (SP)

"Uso oportunista do sentimento corintiano". Esta foi uma das frases usadas nesta quinta-feira pelo Corinthians em posicionamento contra a criação do Partido Nacional Corinthiano (PNC), aprovado pelo Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) há dois dias. O comunicado foi feito através do site oficial do Timão.

Além do estadual, foram aprovados os registros nos órgãos municipais de São Paulo e Ubatuba. Essa é uma das etapas que o partido deve cumprir para obter o registro em âmbito nacional.

Confira a nota oficial emitida pelo Corinthians na íntegra:

O Sport Club Corinthians Paulista tomou conhecimento da criação do Partido Nacional Corinthiano através da imprensa, e quer esclarecer que o clube não tem envolvimento nenhum com o novo partido político.

O Corinthians, com seus mais de 30 milhões de torcedores, informa que o novo partido não representa as ideias do clube, que não faz distinção de religião, raça e posição política de qualquer espécie. Nossa nação alvinegra é apartidária e todos têm o livre direito para seguir suas ideologias

Através de seu presidente, Roberto de Andrade, o Corinthians repudia o uso oportunista do sentimento corinthiano, que reconhece somente sua bandeira e suas cores, e garante que não haverá apoio aos envolvidos neste partido.