Ana Canhedo e Gabriel Carneiro
26/07/2016
06:00
São Paulo (SP)

O Corinthians havia esfriado sua ação no mercado em busca de um novo atacante graças à perspectiva de utilização de Alexandre Pato. Agora, porém, a urgência por uma nova opção para a camisa 9 está de volta ao Parque São Jorge, já que o jogador de 26 anos tem acordo encaminhado para ser vendido ao Villarreal, da Espanha, por 3 milhões de euros (valor próximo de R$ 11 milhões). A venda deve ser anunciada nas próximas horas, e reduziria o número de peças do elenco alvinegro para o segundo semestre.

Hoje, Cristóvão tem à disposição para o setor ofensivo André e Luciano, além do garoto Isaac, que ainda não estreou profissionalmente, e do experiente Danilo, que já atuou improvisado como centroavante. A avaliação da diretoria e comissão técnica é pela necessidade de outra peça para disputar posição durante o Campeonato Brasileiro e também a partir das oitavas de final da Copa do Brasil, que começa na segunda quinzena de agosto.

Um dos nomes consultados pelo Corinthians foi o de Gustavo, artilheiro da Série B com a camisa do Criciúma, como informou o LANCE! no início do mês. O Timão ainda não oficializou sua proposta, mas voltou a conversar com os representantes do jogador de 22 anos nos últimos dias. Há uma avaliação prévia do Cifut (Centro de Inteligência do Futebol), da comissão técnica e da diretoria, mas o Timão havia interrompido as tratativas em razão da perspectiva de ter Pato à disposição. 

Dono de 100% dos direitos econômicos do atacante de 22 anos, com multa rescisória estabelecida em R$ 12 milhões, o Criciúma ainda não definiu o percentual que planeja vender e nem os valores da operação, mas descarta qualquer possibilidade de empréstimo e deseja manter uma fatia do jogador apelidado de "Gustagol" para eventuais transferências futuras.

Gustavo, o Gustagol, chamou atenção do mercado na Copa São Paulo de Juniores de 2014, quando foi artilheiro pelo Taboão da Serra. Comprado pelo Criciúma por R$ 500 mil, ele chegou a ser emprestado três vezes até passar a ser utilizado com frequência na Série B deste ano, em que já marcou 11 gols. Além do Corinthians, outros clubes da elite do futebol nacional já procuraram o Criciúma interessados na contratação.