Gabriel Carneiro
05/10/2017
18:57
São Paulo (SP)

Pedro Henrique começou a temporada sob contestações. Ao longo do Campeonato Brasileiro, no entanto, o jovem zagueiro do Corinthians emendou boas atuações substituindo Balbuena e Pablo sempre que necessário, se destaca como um dos jogadores mais disciplinados do elenco e hoje é considerado pela comissão técnica como um reserva confiável, aprovado nos testes a que foi submetido. À espera de chances, ele vê uma possibilidade de atuar no próximo dia 11, contra o Coritiba, na Arena de Itaquera.

A oportunidade surgirá dependendo de um fator: Balbuena entrar em campo pela seleção do Paraguai em partida válida pelas Eliminatórias da Copa do Mundo no dia anterior, contra a Venezuela. O zagueiro do Corinthians é reserva da equipe nacional, mas a rodagem do elenco pode fazer com que ele atue no estádio Defensores del Chaco. Caso isso aconteça, seria desfalque do Timão no dia seguinte, mesmo chegando a tempo da partida, às 21h, no Brasil.

- Encaro da melhor maneira possível essa titularidade, venho trabalhando, me dedicando nos treinos, fazendo o que o professor pede. Estou preparado para dar o melhor como venho dando e como todos os companheiros da reserva também - discursou Pedro Henrique, que foi titular ao lado de Pablo no treino desta quinta-feira, ainda dentro do período de ausência de Balbuena na rotina de treinos do CT Joaquim Grava.

Pedro Henrique tem 26 partidas na temporada, sendo 22 como titular, além de dois gols e uma assistência. Do total de jogos, 15 foram válidos pelo Campeonato Brasileiro, torneio em que ele foi homenageado pelo Corinthians como exemplo de disciplina por não ter recebido nenhum cartão amarelo.