Bruno Cassucci e Gabriel Carneiro
22/09/2016
07:40
São Paulo (SP)

Herói na classificação do Corinthians às quartas de final da Copa do Brasil, ao marcar o gol da vitória por 1 a 0 sobre o Fluminense, na última quarta-feira, o meia Rodriguinho não se vê como protagonista do Timão. Embora venha sendo decisivo em jogos da equipe e tenha subido para o terceiro lugar no ranking de artilheiros do clube na temporada, com sete gols (atrás de Romero e Lucca) ele diz ser apenas uma peça na engrenagem alvinegra.

- Estou fazendo meu melhor, não sou protagonista, todo mundo tem parcela de contribuição, desde o cara que trabalha no campo até quem está jogando - opinou.

Para o jogador, a classificação no torneio mata-mata pode inspirar o Corinthians no Brasileirão, competição na qual a equipe vem em má fase, tendo caído para o quinto lugar, a quatro pontos do G4.

O meia também declarou que no futuro o Timão pode priorizar a Copa do Brasil em detrimento do Brasileiro. No entanto, para ele ainda não é momento de a equipe jogar a toalha nos pontos corridos.

- Essa é uma decisão (de priorizar) que podemos tomar, mas temos que ver como vai se desenhar o Brasileiro. Temos que analisar, isso cabe à comissão, acho que hoje é cedo pensar nisso. Estamos perto do G4, como vale vaga na Libertadores é importante para a gente também. Em algum momento a gente vai ter que tomar essa decisão, sim - argumentou.