Corinthians x Grêmio

Meia foi capitão do Corinthians no empate sem gols com o Grêmio nesta quarta-feira (Foto: Miguel Schincariol)

Gabriel Carneiro e Guilherme Amaro
19/10/2017
01:00
São Paulo (SP)

Rodriguinho tem sido mais bem marcado pelos adversários e isso explica sua queda de rendimento nos últimos jogos do Campeonato Brasileiro. O diagnóstico do técnico Fábio Carille foi revelado após o empate sem gols do Corinthians com o Grêmio, nesta quarta-feira. Também em pronunciamento na Arena Corinthians, o camisa 26 se defendeu das análises de que vive má fase e também das críticas da torcida em diversos momentos do confronto.

- Normal, a torcida acaba pegando no pé, mas são coisas que acontecem no futebol. Quando se erra tem sempre aquele "ah", coisa normal assim. Como quando as coisas estão boas e a gente não pode se deixar empolgar por causa disso. É manter o trabalho que está sendo bem feito - disse Rodriguinho, que vê a partida com o Grêmio como de difícil análise a respeito de sua atuação.

- Difícil falar isso, acho que a equipe teve um jogo muito difícil, de detalhes e acabou que ficou 0 a 0 e ninguém conseguiu aproveitar as oportunidades, mas se a gente faz um gol ali, o jogo seria outro, porque o Grêmio teria que ir para frente e abriria mais espaço. No primeiro tempo a equipe conseguiu propor melhor o jogo, o meio deles é muito congestionado, a gente sabia que teria dificuldade por ali, então a gente estava tentando explorar os lados. No segundo tempo eles mantiveram mais a posse de bola, então complicou para a gente conseguir criar alguma coisa ali na frente.


Rodriguinho chegou nesta quarta-feira a 50 partidas pelo Corinthians na temporada em 130 desde que foi contratado, em 2014. Ele tem 11 gols e oito assistências na temporada, mas não participa de uma jogada de gol desde 5 de agosto, quando marcou na vitória por 3 a 1 contra o Sport. De acordo com Carille, a razão da queda de rendimento não depende unicamente do jogador.

- Se eu for o técnico que for jogar contra o Corinthians, eu marco o Rodriguinho. Dá pra ver na beira que ele não está tendo espaço para jogar.