Anderson Naula e Edgar Celly

Edgar Celly (E) e Anderson Naula (D) ao lado do presidente da LDU de Loja, Jaime Villavicencio (Foto: Reprodução)

Gabriel Carneiro e Rodrigo Vessoni
04/03/2016
09:45
São Paulo (SP)

O Corinthians pode receber em breve dois reforços internacionais para suas categorias de base. O meio-campista Edgar Celly e o atacante Anderson Naula, ambos relacionados na última convocação da seleção sub-20 do Equador, estão no Brasil há uma semana aguardando a conclusão do acerto envolvendo três partes: LDU de Loja, clube formador dos garotos, Banco BMG, grupo de investidores por trás da operação, e Corinthians, que deverá receber a dupla depois de um período de adaptação no Coimbra Esporte Clube.

Celly e Naula foram observados em ação no Equador e indicados ao BMG, que possui boa relação com a diretoria do Corinthians. A operação que envolverá a compra pelo Coimbra e a cessão ao Timão ainda não está formalizada, mas o primeiro dos garotos equatorianos já até se apresentou para os treinamentos na equipe que disputa a Terceira Divisão do Campeonato Mineiro. A ideia é que Celly pegue um pouco de experiência no futebol brasileiro antes de integrar a categoria sub-20 do Corinthians. Já Naula, que é a maior aposta entre os dois, ainda acerta detalhes de sua vinculação ao Coimbra antes de servir à base alvinegra.

Na última quarta-feira, os dois garotos estiveram na Arena Corinthians e se encantaram com o estádio que foi palco do duelo contra o Santa Fe (Colômbia), pela segunda rodada da fase de grupos da Libertadores. Os dois assistiram ao jogo acompanhados de Jaime Villavicencio, presidente da LDU de Loja, além do observador responsável pela indicação. O mandatário do clube equatoriano deseja ampliar suas relações com o Timão antes de voltar ao país, no sábado.

Edgar Celly tem 18 anos recém-completos e já jogou três vezes pela equipe profissional da LDU de Loja, enquanto Anderson Naula é um ano mais novo, mas bem mais rodado: fez 13 jogos do Campeonato Equatoriano de 2015 e mais dois da Copa Sul-americana. Naula, aliás, é a maior aposta entre os dois, e já foi convocado para a seleção sub-20 do país mesmo tendo idade para atuar na categoria inferior. Ele despontou em 2014 ao marcar 34 gols em 39 partidas do Torneio Nacional de Futebol sub-16, e logo foi promovido ao grupo profissional.

Diego Ochoa, técnico de Naula nesta campanha impressionante de 2014, disse ao jornal "El Comercio", que o garoto é "inteligente, hábil, domina bem a bola e não fica só em uma posição. Atua bem como ponta e meio-campista, por sua dinâmica de jogo". Ochoa, entretanto, fez ressalvas quanto ao aspecto físico do garoto, ainda franzino.

O Corinthians não deve receber Naula e Celly imediatamente, graças à burocracia das contratações, mas internamente os profissionais do clube já dão como certas as chegadas de ambos para os próximos meses.