LANCE!
06/12/2016
06:30
São Paulo (SP)

O Corinthians deve definir nesta terça-feira as homenagens que serão prestadas à Chapecoense na partida contra o Cruzeiro, domingo, no Mineirão. Uma das ideias é a utilização da cor verde no uniforme, possibilidade que é bem vista pelo elenco. Em entrevista coletiva, os meias Guilherme e Marlone apoiaram a iniciativa.

Segundo eles, neste momento de luto e tristeza é preciso esquecer a rivalidade com o Palmeiras, que tem as mesmas cores da Chape, e deixar outros sentimentos prevalecerem:

- Não temos que pensar em rivalidade e sim em homenagear às famílias. Eu tenho uma filha, sei como deve ser difícil. A gente que vive viajando pelo mundo... Então agora não temos que pensar em rivalidade e sim em dar valor às pessoas. Todo ser humano gosta de ser lembrado. Infelizmente é uma lembrança que traz tristeza, mas eles merecem, o clube merece, a cidade merece. Não tem que existir rivalidade, só o amor - disse Marlone.

O departamento de marketing do Corinthians pretende também desenvolver ações para ajudar na reestruturação do clube catarinense, vítima de acidente aéreo na Colômbia na última semana. Algumas propostas já foram estudadas, mas dependem do aval do presidente alvinegro, Roberto de Andrade, que voltou às suas atividades no clube na última segunda-feira após ficar afastado por internação hospitalar.

- A homenagem ultrapassa a esfera do futebol, é de humanidade, princípios, e o amor é o maior deles. Não deve existir nada de rivalidade agora. O que for definido estamos para cumprir - afirmou Guilherme.