Giovanni Augusto, em disputa de bola na derrota para o Nacional (Foto: Daniel Augusto Jr)

Giovanni Augusto, em disputa de bola na derrota para o Nacional (Foto: Daniel Augusto Jr)

Bruno Cassucci
05/05/2016
18:49
São Paulo (SP)

O meia Giovanni Augusto se recuperou de lesão no pé e no tornozelo esquerdos duas semanas antes do previsto e voltou a defender o Corinthians na noite da última quarta-feira, diante do Nacional (URU), na Arena. No entanto, além de não conseguir evitar a eliminação alvinegra nas oitavas de final da Copa Libertadores, ele ainda deixou a partida demonstrando sentir dores e gerou preocupação.

Contudo, de acordo com Joaquim Grava, consultor médico do Timão, a Fiel torcida pode ficar tranquila e contar com o jogador para a estreia no Campeonato Brasileiro, no próximo domingo (15), contra o Grêmio. Segundo ele, Giovanni não voltou a sentir dores no pé.

- Ele estava com dores na coxa esquerda, não teve nada a ver com a lesão anterior. O Giovanni tomou uma paulistinha (pancada na coxa), mas não preocupa - disse Grava, ao LANCE!.

Sendo assim, o departamento médico corintiano conta apenas com Rildo, atacante que se recupera de uma lesão ligamentar completa do tornozelo e ainda uma fratura do osso navicular do pé esquerdo. O volante Willians, que tratava um edema na coxa esquerda, já foi liberado para fazer trabalho de transição nos gramados e deve estar à disposição do técnico Tite para a estreia no campeonato nacional.

Após a eliminação para o Nacional (URU), o elenco corintiano ganhou folga nesta quinta-feira e volta a treinar na tarde desta sexta.