Bruno Cassucci
13/02/2017
16:55
São Paulo (SP)

O volante e lateral-esquerdo Marciel, de 21 anos, está próximo de renovar o contrato com o Corinthians por mais quatro temporadas. Ele já tem um acordo encaminhado com a diretoria alvinegra para receber um aumento salarial e prorrogar o atual vínculo que vai até março de 2018.

As negociações avançaram nas últimas semanas, depois que o atleta deixou de trabalhar com Jorge Américo, empresário que chegou a ser proibido de entrar no centro de treinamento do Timão em 2015 pelo então superintendente de futebol Andrés Sanchez. O atrito aconteceu quando o agente cobrou o pagamento de R$ 1,2 milhão ao Fragata, clube do Rio Grande do Sul, que detinha os direitos econômicos do garoto.

- O moleque, jogando humildemente, fez um jogo bom. Aí o empresário aparece. Tinham que dar menos moral, principalmente para o nível de empresário que é. O Corinthians vai acertar, mas o empresário não coloca o pé dele no Corinthians mais - disse Andrés Sanchez na época.

Agora Marciel trabalha com a Elenko Sports, empresa que desfruta de ótimo trânsito com a cúpula corintiana e possui vários atletas no clube, como Vilson, Guilherme Arana, Maycon, Marlone, entre outros.

Promovido ao elenco profissional do Timão em 2015, Marciel foi emprestado no ano passado ao Cruzeiro, em troca com Willians. Ele tem 13 partidas com a camisa alvinegra e um gol marcado.