Jornais uruguaios analisam duelo entre Nacional e Corinthians (Foto: Bruno Cassucci)

Jornais uruguaios analisam duelo entre Nacional e Corinthians (Foto: Bruno Cassucci)

Bruno Cassucci
27/04/2016
10:57
Enviado especial a Montevidéu (URU)

"A hora da verdade", "Hoje é o dia", "O chamado da Copa". Estas são algumas das manchetes dos principais jornais uruguaios nesta quarta-feira, que tratam o duelo entre Nacional e Corinthians, às 21h45, no Parque Central, pelas oitavas de final da Copa Libertadores, como o principal jogo da equipe tricolor neste ano até o momento.

O diário "El Observador" destaca que o técnico Gustavo Munúa terá força máxima esta noite e que precisa fazer um jogo quase perfeito para viajar a São Paulo sonhando com a classificação na próxima semana. A publicação ainda destaca pontos fortes e fracos do Timão, aponta Cássio e Elias como destaques da equipe alvinegra e mostra a importância de anular o jogo pelas laterais alvinegras.

Já o "El País" adota tom mais cauteloso e aponta até um Nacional dividido entre a Libertadores e o campeonato local. Vice-líder do torneio uruguaio, o Decano terá clássico contra o Peñarol na próxima semana, fato que faz a publicação cogitar até que a equipe abra mão da competição continental caso não vença hoje.

A bola aérea é vista como uma das principais armas dos uruguaios, que também apostam em um Corinthians abalado depois da eliminação para o Osasco Audax no Paulistão.