Bruno Cassucci
22/11/2016
07:15
Sâo Paulo (SP)

Quando subiu ao gramado da Arena Corinthians aos sons de "ão, ão, ão, segunda divisão" o Internacional já pôde sentir o que lhe esperava na noite da última segunda-feira. Para a Fiel torcida, valia mais do que três pontos. Era a chance história de se vingar do Colorado.

Por isso a desforra na comemoração da vitória por 1 a 0. Houve gritos, faixas e até um torcedor fantasiado de fantasma da Série B no setor Oeste do estádio.

Depois do apito final, a Arena explodiu como há tempos não se via. Muitos torcedores não saíram do local logo após o término do jogo. Preferiram ficar um pouco mais provocando os torcedores adversários ao som de "assiste o DVD, acorda na Série B".

Para entender o motivo desta festa é preciso voltar no tempo. Há diversos componentes na rivalidade entre Timão e Inter. Um dos principais é referente à 2007, quando a equipe paulista vivia situação muito parecida com a dos gaúchos agora. O Corinthians lutava contra o rebaixamento e, na última rodada do Brasileirão, empatou com o Grêmio. Para não cair, o Alvinegro precisava que o Colorado não fosse derrotado pelo Goiás. Foi exatamente o que aconteceu... ainda com a suspeita de que os gaúchos teriam facilitado as coisas para prejudicar o rival.

Já o DVD, tão comentado pelos corintianos, se refere a uma compilação de lances em que supostamente a arbitragem favoreceu o Timão. Ela foi feita pelo Inter em 2009, pouco antes de as equipes se enfrentaram na final da Copa do Brasil.