LANCE!
19/11/2015
16:02
Rio de Janeiro (RJ)

Mesmo sem uma vitória (caso o Atlético-MG não vença o São Paulo), o Corinthians pode levar mais um título em meio a uma centenária história de conquistas mundo afora. Mesmo com a Arena recém-inaugurada à disposição, quis o destino que o possível jogo do hexa acontecesse no Rio de Janeiro. A Cidade Maravilhosa, por sua vez, traz boas lembranças muito boas à torcida do Timão.

Uma das maiores conquistas da história do Corinthians, o primeiro Mundial de Clubes do clube foi conquistado no Maracanã. Em janeiro de 2000, o time comandado por Oswaldo de Oliveira, que tinha Dida, Rincón, Marcelinho Carioca, Edílson, entre outros, empatou com o Vasco por 0 a 0 na final da competição e, com uma vitória nas penalidades, conquistou o título. Delírio dos cerca de 30 mil corintianos no principal palco da Cidade Maravilhosa.


Pouco mais de duas décadas antes, a torcida do Corinthians proporcionou uma das maiores festas de sua história também no Maracanã. Em 1976, na semifinal do Brasileirão, Timão e Fluminense empataram em 1 a 1 para um público de 146 mil torcedores. Estima-se que até 70 mil torcedores alvinegros estavam nas arquibancadas, num episódio conhecido como “Invasão Corintiana”. Na ocasião, torcedores alvinegros se deslocaram ao Rio de Janeiro das mais diversas formas, enchendo ruas e praias cariocas antes e depois do jogo.

Ao menos nas arquibancadas, menos corintianos estarão presentes hoje (dois mil). Mundo afora, porém, mais de 30 milhões poderão festejar e colocar na memória mais um memorável jogo do Timão no Rio.

– Demoramos muito para criar oportunidade, ralamos muito para criar.Oportunidade é agora, é única – relatou o técnico Tite, técnico com mais títulos (cinco) no Corinthians.