Corinthians x Flamengo

Paraguaio chegou ao 13º gol na temporada e é goleador do Timão no ano (Foto: Miguel Schincariol/Lancepress!)

Gabriel Carneiro
03/07/2016
19:58
São Paulo (SP)

Em sua sonhada sequência de jogos como titular do Corinthians, Romero mostra que as cobranças públicas não eram sem motivo. Neste domingo, ele começou jogando pela quinta vez seguida e foi o melhor em campo na goleada por 4 a 0 diante do Flamengo. Agora, nestes cinco jogos como titular, são quatro gols marcados e três assistências realizadas. O técnico Cristóvão Borges, que bancou o paraguaio no time titular, está mais do que satisfeito com o rendimento.

– Eu via o Corinthians jogar antes de estar aqui, então tenho conhecimento dos jogadores. O Romero vi jogar muitas vezes, e vi que ele sabe jogar nas três funções da frente, mas rende mais na direita. Ele está aproveitando a chance – reconheceu o treinador do Timão.

Nesta segunda-feira, Romero faz aniversário de 24 anos, e irá comemorar com sua família e o irmão gêmeo Óscar no Paraguai. De folga junto com todo o elenco, ele só se reapresenta na terça à tarde, e poderá curtir o dia especial com os principais responsáveis por manter sua cabeça no lugar no período em que as chances de jogar eram raras e os gols não estavam saindo.

– Muitas pessoas diziam que eu não tinha futebol para jogar no Corinthians sem nem me ver, sem saber meu potencial. As pessoas deviam ficar caladas antes de falar o que não sabem, mas agora estão ficando. Quando você acredita e trabalha consegue alcançar os objetivos. As pessoas têm que respeitar mais as outras – disse o paraguaio, antes de completar.

- A oportunidade chegou. Já tinha falado sobre isso. Se você não tem uma sequência de trabalho é difícil mostrar qualidade. Não estava tendo essa continuidade. Agora sim. Sou agradecido ao professor Cristóvão, porque ele confia no meu trabalho. Estou jogando quase sempre durante 90 minutos, e isso mostra que ele tem confiança. Mas o mais importante é que o Corinthians lidera novamente.

Com os gols deste domingo, Romero chegou a 14 na história da Arena Corinthians, apenas um a menos que Guerrero. No ano, ele é o goleador máximo do Timão, com 13 gols. Só no Brasileirão já são quatro. Fase boa!