Corinthians x Figueirense

Atacante voltou ao time titular após mais de dois meses, e ficou em campo até o fim (Foto: Ale Cabral/LANCE!Press)

Gabriel Carneiro
24/07/2016
07:00
São Paulo (SP)

Cristóvão Borges está próximo de poder escalar o que considera a força máxima do Corinthians no Campeonato Brasileiro, e há possibilidade de isso ocorrer já no próximo domingo, quando o Timão visita o Internacional pela 17ª rodada do torneio nacional. Neste sábado, no empate em 1 a 1 com o Figueirense, a novidade foi a entrada de André na equipe titular, com Danilo sacado. A mexida posterior será a entrada de Elias na vaga de Rodriguinho, alteração feita nos dois últimos jogos e que passará a ser definitiva no Beira-Rio.

André e Elias desfalcaram o Corinthians por um mês em razão de uma cirurgia de hérnia e uma fratura na costela, respectivamente. Os dois começaram no banco a partida contra o São Paulo, mas Elias atuou por 30 minutos e já iniciou a retomada de ritmo de jogo. No duelo seguinte, contra o Figueirense, o volante participou de 35 minutos e se mostrou apto fisicamente a receber a oportunidade como titular. Já André começou jogando e permaneceu em campo até o fim, fato que causou surpresa até a ele mesmo.

- Fico feliz pelo jogo, a bola chegou pouco porque o outro time veio muito fechado. Mas me surpreendi muito em termos físicos, agora é melhorar cada vez mais e voltar melhor para o próximo jogo - disse André, que perdeu uma chance clara de gol no fim do primeiro tempo, quando Pará realizou um corte em cima da linha e evitou o gol do Corinthians.

Na próxima rodada, além de André mantido no time titular e Elias escalado na vaga de Rodriguinho, o Corinthians terá a volta de Fagner à lateral direita. O titular da posição cumpriu suspensão neste sábado e abriu vaga ao garoto Léo Príncipe, que estreou como titular e foi elogiado pelo técnico Cristóvão Borges. No próximo jogo, porém, Fagner retoma a titularidade, na provável formação a seguir: Cássio; Fagner, Yago, Balbuena e Uendel; Bruno Henrique e Elias; Romero, Giovanni Augusto e Marquinhos Gabriel; André.