Guilherme Amaro
26/07/2016
11:46
São Paulo (SP)

O diretor adjunto de futebol do Corinthians, Eduardo Ferreira, confirmou a ida de Alexandre Pato para o Villarreal (ESP). O dirigente conversou brevemente com a imprensa durante o treinamento na manhã desta terça-feira, no CT Joaquim Grava, e disse que apenas detalhes burocráticos separam o atacante do clube espanhol. A venda deve ser anunciada ainda nesta terça.

Edu desconversou ao ser questionado se o Corinthians ficaria com 3 milhões de euros (R$ 10,8 milhões) pelos 60% dos direitos econômicos que tem do atacante. O dirigente apenas disse: "é por aí". Ele também falou que o Timão não fará loucuras em busca de reforços.

Como o LANCE! publicou nesta terça-feira, a saída de Pato cria uma urgência na busca do Corinthians por um outro atacante. Um dos nomes consultados foi o de Gustavo, artilheiro da Série B com a camisa do Criciúma. O Timão ainda não oficializou sua proposta, mas voltou a conversar com os representantes do jogador de 22 anos nos últimos dias. Há uma avaliação prévia do Cifut (Centro de Inteligência do Futebol), da comissão técnica e da diretoria, mas as tratativas haviam sido interrompidas em razão da perspectiva de ter Pato à disposição.

O técnico Cristóvão Borges imaginava Pato como um centroavante, mas agora tem para a posição apenas André e Luciano, além do garoto Isaac e do meia Danilo, que atua improvisado pelo setor. A avaliação da diretoria e comissão técnica é pela necessidade de outra peça para disputar posição durante o Campeonato Brasileiro e também a partir das oitavas de final da Copa do Brasil, que começa na segunda quinzena de agosto.