Alexandre Pato, atacante vai para o Chelsea (Foto: Mauro Horita/AGIF/LANCE!Press))

Pato deve ter reunião com a diretoria do Corinthians na próxima semana (Foto: Mauro Horita/AGIF/LANCE!Press)

Bruno Cassucci
30/06/2016
00:26
Sâo Paulo (SP)

O técnico do Corinthians Cristóvão Borges fez diversos elogios ao atacante Alexandre Pato na noite desta quarta-feira, mas evitou falar sobre o aproveitamento ou não do jogador no elenco alvinegro. O contrato de empréstimo do atleta ao Chelsea (ING) acaba nesta quinta-feira, e ele terá que se reapresentar ao Timão, clube no qual tem contrato até o fim do ano.

Embora o vínculo com o Corinthians volte a ser válido na sexta-feira, Pato só deve ir ao CT Joaquim Grava na próxima semana, quando se reunirá com a diretoria e a comissão técnica alvinegra. Como o elenco folgará na segunda-feira, a tendência é de que o papo seja na terça. Neste encontro, o jogador será questionado sobre o desejo de ficar ou não na equipe.

- Tivemos uma primeira conversa com o presidente, o Pato ainda não chegou. Vamos tratar disso com tranquilidade. Quando voltar para São Paulo, vamos conversar com o presidente e com o atleta. Acho dele o que todos acham, acima da média, um grande jogador, não se discute isso, não passa nada por ai. Jogador de alto nível, Seleção. Vamos conversar e ver o que vai ser feito. O que conversamos era para ver a situação dele, coisas de contrato, da maioria do elenco - afirmou Cristóvão Borges, em entrevista coletiva.

Publicamente, dirigentes do Timão não descartam reintegrar o jogador, que tem contrato até o fim da temporada. No entanto, ciente da rejeição da torcida em relação a ele, a cúpula alvinegra ainda torce para receber propostas pelo atleta.

A possibilidade de emprestar Pato para equipes do Brasil não agrada ao Corinthians. Porém, o atacante recebe R$ 800 mil por mês, muito acima do teto salarial do clube hoje.

Após férias, o jogador está no Brasil e faz treino físico em academia. Recentemente, ele recusou uma nova proposta do futebol chinês.