Maycon, do Corinthians

Maycon está perto de se despedir do Corinthians (Foto: Daniel Augusto Jr)

LANCE!
13/04/2018
14:41
São Paulo (SP)

Enquanto está perto de anunciar a contratação do centroavante Roger, do Internacional, o Corinthians começa a se despedir do volante Maycon. Nesta sexta-feira o técnico Fábio Carille afirmou que o jogador está vendido para o Shakhtar Donetsk (UCR). Por isso, ele saiu do time e ficará fora da estreia no Brasileiro no próximo domingo na Arena, segundo Carille. O Corinthians, porém, nega que já haja acordo.

Em nota oficial publicada após a entrevista de Carille para a Fox Sports ser reproduzida, o clube que "a negociação caminha para um acordo, entretanto, não houve assinatura contratual". 

- Maycon já está negociado com o Shakhtar, tanto que domingo já estou tirando ele da equipe. Mas vai continuar com a gente até a parada da Copa. O Corinthians tem que andar, mas isso não quer dizer que ele não vá ser utilizado quando necessário. Quando a equipe começa a se destacar, é normal que as equipes se interessem pelos nossos jogadores - afirmou Carille, ao programa Aqui com Benja, da Fox Sports.

O Corinthians adota cautela depois de passar por dois episódios recentes de negociações fracassadas na reta final. Primeiro foi com o atacante Alex Teixeira, do Jiangsu Suning (CHI), depois com o lateral-esquerdo Zeca, desligado do Santos na Justiça. Nesse caso, o clube chegou a brincar com o acerto em suas redes sociais, mas recuou por conta do imbróglio e foi criticado.

A última imagem de Maycon pelo Corinthians é altamente positiva. No último domingo, o volante de 20 anos anotou o último pênalti da decisão do Campeonato Paulista, batida que deu o título ao Timão sobre o Palmeiras dentro da casa do rival.

O camisa 8 vinha sendo titular e um dos destaques da equipe este ano, tendo inclusive anotado um gol na fase de mata-mata do Paulista, na vitória por 2 a 0 sobre o Bragantino na Arena. Sem ele, entrou Renê Júnior no treino da última quinta-feira.

A negociação com o Shakhtar vem desde o ano passado e por pouco não foi concretizada antes. Agora, fala-se em 6 milhões de euros (cerca de R$ 24 milhões) para o Corinthians pela venda do atleta. O Corinthians tem 80% dos direitos econômicos do jogador.