Marquinhos Gabriel, do Santos (Foto: Divulgação)

Marquinhos Gabriel voltará à Arábia Saudita nos próximos dias (Foto: Divulgação)

Bruno Cassucci
06/01/2016
19:44
São Paulo (SP)

A diretoria do Corinthians e os representantes de Marquinhos Gabriel voltaram a se falar nesta quarta-feira, após um período de estagnação nas tratativas. E a conversa deixou o meia-atacante mais distante do Parque São Jorge. O Timão não está disposto a pagar os cerca de R$ 16 milhões que o Al-Nassr, da Arábia Saudita, pede para liberar o jogador e as partes não encontraram uma forma de viabilizar o negócio.

Oficialmente não houve uma desistência por parte do Corinthians, mas o acerto é dado como improvável.

Além do valor, inflado pela cotação do dólar, que está em R$ 4, a negociação é prejudicada pela falta de prazo. O Al-Nassr só abrirá mão de Marquinhos Gabriel se conseguir um atleta para seu lugar, e a janela de transferências na Arábia fecha no próximo dia 18.

Como revelado pelo LANCE!, o atleta acerta os últimos detalhes para tirar o seu visto e irá voltar à Arábia nos próximos dias. O técnico do Al-Nassr, o ex-zagueiro Fabio Cannavaro, pediu o retorno do meia-atacante, de 25 anos.

Marquinhos Gabriel, que está com 25 anos, era visto pelo Corinthians como o principal nome para substituir Jadson, vendido ao Tianjin Quanjian, da China. O país asiático, inclusive, pode ser o destino do ex-jogador do Santos, que também negocia com clubes do Brasil e da Europa.