Balbuena durante treino do Corinthians (Foto: Daniel Augusto Jr)

Balbuena voltou da seleção paraguaia e treinou no Corinthians (Foto: Daniel Augusto Jr)

LANCE!
14/06/2016
18:12
São Paulo (SP)

O zagueiro Balbuena concedeu entrevista coletiva nesta terça-feira, no CT Joaquim Grava, e foi bombardeado com perguntas sobre a possível ida do técnico Tite para a Seleção Brasileira. O jogador do Corinthians evitou falar sobre o futuro do treinador no clube, mas já previu um trabalho calmo para o sucessor.

Balbuena também falou que Tite não comentou sobre uma possível saída e que o treino desta terça-feira foi "normal". O zagueiro também fez diversos elogios ao treinador.

- Não podemos entrar na futurologia. Se ele for ou não, se o Tite ficar ou não... é difícil falar isso. Eu prefiro ser realista, falar da situação real de hoje e o Tite está conosco hoje. Ele faz um ótimo trabalho no Corinthians, todo mundo fala bem dele. E isso prova que ele é um bom treinador. Sabemos que o Tite é como um pai para todos nós, pela forma com que nos trata, dentro e fora do campo. Se ele for faz parte. Nós jogadores podemos sair também, é natural do futebol. Se ele for estaremos contentes por ele, e estaremos com ele na decisão que ele tomar - afirmou Balbuena, antes de projetar os desafios para o possível substituto de Tite no comando da equipe.

- Quem vier vai encontrar um elenco com muito potencial, e que está em crescimento. O que precisamos fazer é trabalhar forte para entrar em campo - acrescentou.

Balbuena está de volta ao Corinthians após defender o Paraguai na Copa América Centenário e também ser eliminado na fase de grupos da competição. O zagueiro acredita que a Seleção Brasileira ainda é respeitada, mas as outras equipes perderam o medo de jogar.

- Todas as seleções têm respeito. O que perderam foi o medo de jogar contra seleções fortes, como Brasil, Argentina, Chile. Você não pode menosprezar ninguém, achar que ninguém é inferior. Qualquer um pode ganhar de qualquer outro - analisou.

Com a volta de Balbuena e a ida de Felipe para o Porto (POR), o Corinthians deverá ter a dupla de zaga formada pelo paraguaio e Yago no jogo desta quinta-feira, contra o Fluminense.

- Vilson, Yago, Pedro Henrique e eu vamos disputar dois lugares, e isso dá a competitividade aos jogadores, para aumentar o nível. Isso também vai ser bom para o Tite - disse.