Alexandre Guariglia
09/07/2016
19:01
São Paulo (SP)

Quarta vitória seguida do Corinthians. Mais uma atuação eficiente da equipe, que segue à caça do líder Palmeiras. Com poucos sustos atrás e com o pé calibrado na frente, o Timão venceu a Chapecoense por 2 a 0. Confira as notas da partida e escolha o melhor entre os melhores do Alvinegro:

CORINTHIANS

6,0
Cássio

Fez uma boa defesa em chute de Ananias. De resto, foi um mero espectador graças aos impedimentos do adversário.

6,5
Fagner

Na defesa, teve sua lateral bastante explorada. No ataque deu grande passe para gol de Marquinhos Gabriel.

6,5
Balbuena

Apesar de alguns vacilos pelo alto, comandou a linha de impedimento fazendo do ataque da Chape uma presa fácil.

6,0
Pedro Henrique

Vinha fazendo partida correta e sem comprometimento até sentir a coxa esquerda e ser substituído.

6,0
Uendel

Bem postado defensivamente, não teve problemas na marcação. Posicionou-se bem atrás.

7,0
Bruno Henrique

Mais uma vez dominou o número de desarmes da equipe e participou do início da maioria das jogadas de ataque.

7,0
Rodriguinho

Não fazia boa partida e estava apagado. Em lance de habilidade, saiu da marcação e marcou gol com categoria.

5,5
Romero

Tentou buscar espaços no ataque, mas a forte marcação fez com que ele não tivesse participação ativa no jogo.

6,5
Giovanni Augusto

Outro que não repetiu as boas atuações de jogos anteriores, ainda assim criou chances, como no gol de Rodriguinho.

7,0
Marquinhos Gabriel

Começou bem a partida, mas caiu de produção. No fim, recebeu assistência espetacular de Fagner para marcar.

5,0
Luciano

A bola não chegava ao ataque, tentou voltar para buscar o jogo, mas se atrapalhou. Perdeu duas boas chances de gol.

6,0
Yago

No lugar de Pedro Henrique, machucado, não chegou a comprometer, mas errou algumas saídas de bola.

6,5
Danilo

Substituiu Luciano após o gol para qualificar o passe no meio-campo e atrair a marcação do adversário.

5,5
Guilherme

Teve boa chance de gol logo que entrou, mas desperdiçou. Depois, apenas compôs e ajudou a garantir a vantagem.

6,5
Téc: Cristóvão Borges

Na primeira etapa o time ficou muito preso à marcação. Mais solto após o intervalo, achou o gol e e ampliou o placar.


CHAPECOENSE

6,5
Marcelo Boeck

Sofreu com falhas de sua equipe, mas defendeu bem.

6,0
Gimenez

Marcou bem. Sofreu com passe cirúrgico de Fagner no segundo gol.

4,5
Demerson

Abusou dos chutões, afastou mal e deu rebotes de graça.

5,0
Thiego

Ganhou a maioria por baixo, mas levou corte infantil no primeiro gol.

6,0
Dener

Assim como o companheiro, foi bem na marcação. Cansou no final.

6,0
Sérgio Manoel

Esforçado, atrapalhou transição com passes errados. Perdeu gol.

5,0
Gil

Discreto, deixou espaço no meio-campo e sofreu muitos desarmes.

5,5
Cléber Santana

Participou da maioria das jogadas, sem levar perigo real.

5,0
Silvinho

Abusou dos cruzamentos errados e perdeu chance claríssima.

6,0
Ananias

Teve lampejos de criatividade e fez boas jogadas individuais.

5,0
Bruno Rangel

Levou perigo pelo alto no início. Depois, ficou isolado e saiu.

6,5
Arthur Maia

Trouxe melhora na criação, mas não foi acompanhado.

6,5
Kempes

Entrou com vontade e se movimentou. Parou na zaga alvinegra.

5,5
Martinuccio

Acionado para aumentar o volume de jogo, não foi efetivo.

5,0
Téc: Caio Júnior

Equipe pressionou pouco e deu muito espaço ao oponente.