Alexandre Guariglia
25/06/2016
23:15
São Paulo (SP)

O ataque funcionou e o Corinthians voltou a vencer no Campeonato Brasileiro. Luciano, que foi às lágrimas ao marcar o primeiro gol, ganhou a melhor nota do LANCE!, seguido por seus companheiros de ataque. Veja e vote nos melhores.

CORINTHIANS

4,0
Cássio

Fez boa defesa em chute de João Paulo, mas falhou de forma bizarra ao tentar jogar com os pés e dar o gol ao Santa.

6,5
Fagner

Ficou mais preso à marcação e foi eficiente na função. Bons desarmes e capacidade para fechar os espaços defensivos.

6,5
Pedro Henrique

Após partida infeliz contra o Galo, se recuperou com uma atuação segura, com direito a desarme crucial na área.

5,5
Balbuena

Não foi tão bem quanto o companheiro de zaga e teve dificuldade para acompanhar a velocidade dos rivais.

7,5
Uendel

Excelente partida. Assistência para Luciano no primeiro gol e participação no segundo. Sempre ativo nas descidas.

6,5
Bruno Henrique

Foi desatento ao deixar espaço para os avanços do Santa pelo meio, mas compensou com bons momentos ofensivos.

6,5
Rodriguinho

Participação foi discreta, no entanto muito importante principalmente na origem das jogadas e na recomposição.

7,5
Romero

Muita velocidade e astúcia para sair da marcação e achar espaços pela ponta direita. Marcou gol de oportunismo.

7,0
Giovanni Augusto

Centralizado, cresceu de produção, distribuindo bem as jogadas para as pontas, onde o jogo aconteceu. Ótimo jogo.

7,0
Marquinhos Gabriel

Outro que deitou e rolou pela esquerda com o auxílio de Uendel. Criou boas chances de ataque para o Timão.

8,0
Luciano

Colocou um ponto final no jejum de gols que durava quase um ano e ainda deu a assistência para o tento de Romero.

5,5
Lucca

Substituiu Giovanni Augusto e o desempenho da equipe caiu. Não conseguiu dar continuidade à atuação de seu colega.

6,0
Guilherme

No lugar de Romero, teve a missão de recompor um espaço deixado após saída de Giovanni Augusto. Teve sucesso.


Willians

Entrou na vaga de Rodriguinho no fim para fechar o meio-campo, sem tempo para avaliação.

6,5
Cristóvão Borges

Foi bem ao colocar Giovanni Augusto mais centralizado e apostar no jogo pelas laterais. Demorou a recompor o meio.


SANTA CRUZ

6,0
Tiago Cardoso

Evitou uma vitória mais elástica com defesas difíceis.

3,0
Vitor

Levou um baile de Uendel e Marquinhos Gabriel. Jogo para esquecer.

5,0
Danny Morais

Sofreu pela falta de colaboração dos laterais na marcação.

5,0
Néris

Razoável, Foi melhor no jogo aéreo do que nas jogadas por baixo.

4,0
Allan Vieira

Não tão ruim quanto Vitor, mas com falhas semelhantes.

5,5
Uillian Correia

Marcador, teve de cobrir as laterais desguarnecidas.

5,0
Daniel Costa

Discreto, foi sacado no intervalo para deixar time ofensivo.

6,0
João Paulo

Sempre lúcido, muita qualidade para passar e armar o time.

5,5
Arthur

Perdeu algumas chances inexplicáveis, mas deu assistência para gol.

6,0
Keno

Deu muito trabalho à marcação de Fagner pela esquerda do ataque.

6,5
Grafite

Sempre oportunista, deixou sua marca e criou seus espaços na defesa.

6,0
Mário Sérgio

Corrigiu a marcação pelo lado direito da defesa após o intervalo.

5,0
Wallyson

Desperdiçou grande oportunidade de gol no segundo tempo.


Lelê

Entrou no fim, fica sem nota.

5,5
Téc: Milton Mendes

Apesar dos erros de marcação, time não deixou de atacar e tentou o empate até o apito final.