Gabriel Carneiro
07/12/2016
12:17
São Paulo (SP)

Recuperados de uma suspeita de conjuntivite, amigdalite e desgaste físico, respectivamente, Fagner, Léo Príncipe e Vilson voltaram aos treinos do Corinthians nesta quarta-feira, mais uma das datas de preparação antes da partida contra o Cruzeiro que fecha o Brasileirão e define a classificação ou não do Timão para a Libertadores de 2017. Com praticamente todo o grupo à disposição, o técnico Oswaldo de Oliveira comandou atividades técnicas, táticas e um coletivo no gramado do CT Joaquim Grava que definiu a escalação da equipe.

Walter; Fagner, Vilson, Balbuena e Uendel; Cristian; Romero, Camacho, Rodriguinho e Marlone; Guilherme foi o time titular nesta quarta-feira, como já havia sido em dois treinamentos anteriores. Já os reservas formaram da seguinte maneira: Cássio; Léo Príncipe, Pedro Henrique, Léo Santos e Arana; Jean; Marquinhos, Marciel, Giovanni Augusto e Rildo; Lucca. O coletivo foi vencido por 2 a 0 pelos titulares, com gols de Guilherme e Romero.

A nota negativa da quarta-feira fica por conta de um dos jogadores que treinou à parte, no terceiro grupo, formado pelos reservas dos reservas. Comandados pelo auxiliar Luiz Alberto, os goleiros Douglas, Matheus Vidotto e Caique participaram de um treino técnico junto com Yago, Ameixa, Rodrigo Figueiredo, Bruno Paulo, Isaac, Gustavo, Léo Jabá e Jô. Em um momento deste treinamento, foi possível ouvir um grito alto de Léo Jabá, que logo desabou no gramado e foi atendido pelos médicos. O atacante sentiu dores na coxa esquerda e foi retirado do restante do trabalho.

Já no treino dos titulares, Oswaldo primeiro dirigiu um trabalho tático, com orientações, paralisações e jogadas ensaiadas e depois um coletivo de pouco mais de meia hora de duração, sem intervalo. Sob sol forte, o grupo deixou o gramado extenuado.

A reapresentação será nesta quinta-feira pela manhã e ainda haverá mais três dias de preparação antes da partida contra o Cruzeiro, domingo, no Mineirão.