Cristóvão Borges e membros da comissão técnica do Corinthians (Foto: Daniel Augusto Jr)

Cristóvão Borges e membros da comissão técnica do Corinthians (Foto: Daniel Augusto Jr)

LANCE!
23/06/2016
15:23
São Paulo (SP)

O técnico Cristóvão Borges deseja privacidade em seu início de trabalho no Corinthians. Depois da derrota para o Atlético-MG em sua estreia como substituto de Tite o treinador fechou o treinamento desta quinta-feira e só irá permitir a entrada dos jornalistas uma hora depois do início do trabalho desta sexta.

Cristóvão já havia limitado o acesso da imprensa no seu segundo treino no Timão, terça-feira. Os repórteres que acompanham o clube só puderam entrar no CT Joaquim Grava no fim da atividade, quando o trabalho tático já havia sido encerrado.

Nesta quinta, após atraso de mais de uma hora no voo de Minas Gerais para São Paulo, apenas os reservas irão ao gramado do CT Joaquim Grava. Os titulares diante do Galo farão trabalho regenerativo.

Cristóvão terá pouco tempo para trabalhar antes do próximo compromisso. O Corinthians volta a campo já no sábado, quando encara o Santa Cruz, na Arena.

Aos poucos, o técnico tenta implementar seus conceitos. A prática de fechar treinos não era comum com o ex-técnico alvinegro, Tite.