Bruno Cassucci e Rodrigo Vessoni
27/06/2016
07:45
São Paulo (SP)

Alvo de críticas e pedidos por reforços, o ataque do Corinthians tem apresentado bons números apesar das contestações. Com 63 gols marcados em 36 jogos oficiais, o Timão tem o terceiro melhor ataque do país na temporada, atrás de Atlético-MG e Grêmio.

Além disso, a equipe é a quinta com mais gols no BR-16, com 16 bolas na rede após 11 rodadas, ficando atrás dos rivais Palmeiras (22), Santos (18), Grêmio e Chape, com 17.

Com dificuldades para encontrar uma referência de área, o Alvinegro tem apostado na solidariedade para marcar. 21 jogadores já fizeram gols pelo Corinthians este ano, que tem o paraguaio Romero como o artilheiro em 2016, com 10 tentos.

No entanto, diretoria e comissão técnica do Timão ainda veem a necessidade de reforçar o ataque, que em breve poderá contar com Bruno Paulo. Contratado do Osasco Audax no mês passado, o jogador está em fase final de cirurgia no pé direito.

Além disso, apesar da vitória sobre o Santa Cruz no último sábado, o técnico Cristóvão Borges não descarta fazer mais mudanças em busca da equipe ideal do Corinthians.

– Não dá para mudar muito, mas a equipe tinha algumas dificuldades na criação, essas mudanças que fiz foram para suprir isso. O Marquinhos joga nas três posições da linha de três meias. Precisávamos de força ofensiva. Precisávamos ter mobilidade para fazer a bola circular, achei que com o Giovanni seria melhor. O Romero na dele também rende mais – declarou o treinador, sábado.