Coletivas do Matuidi

Matuidi falou sobre a possível chegada de CR7 na Juventus (Foto: AFP)

LANCE!
04/07/2018
11:10
Istra (RUS)

Uma possível tranferência de Cristiano Ronaldo para a Juventus está diputando os holofotes com a Copa do Mundo. Nesta quarta-feira, em entrevista coletiva, volante Blaise Matuidi, que atua na equipe de Turim, comentou sobre o assunto e se divertiu com a pergunta sobre a negociação.

– Estou na Copa do Mundo, vivendo isso. Eu vi que estão falando sobre isso, mas por enquanto são suposições. Está sabendo de mais coisa? - disse, rindo.

- Não vou mentir, seria lindo ter um dos melhores jogadores do Mundo na Juventus, no mesmo clube que eu. Seria incrível para o clube, para nós, jogadores da Juventus, mas hoje sou jogador da seleção francesa - completou o jogador.

Apesar da alegria pela classificação da França às quartas de final, Matuidi não poderá jogar. Ele levou o segundo cartão amarelo contra a Argentina, no último sábado, e está suspenso. O técnico Didier Deschamps ainda não revelou o substituto.

- Eu fiquei muito triste pela suspensão, mas estou aqui para apoiar meus companheiros. Vou tentar ajudá-los o máximo possível, seja na preparação para a partida ou no vestiário. Quero tentar desempenhar este papel. É importante que eles sintam isso, tanto os 11 que vão começar quanto os três que devem entrar. Todos os jogadores se apoiam, somos como uma família - afirmou.

Tolisso, titular na estreia, é o favorito para formar o trio com Pogba e Kanté no meio. A outra opção é Lemar.

- Eu não sou o técnico, sou apenas um jogador. Seja quem jogar, vai responder em campo. Nós somos 23, e todos são importantes. Eu tenho muita confiança em meu grupo. Claro, é possível substituir Matuidi, como qualquer outro. Todo mundo é capaz de responder, seja o Tolisso, o Lemar ou outro - falou.

Sobre Edinson Cavani, que já foi seu companheiro no Paris Saint-Germain, Matuidi alertou sobre a vontade do atacante de jogar e como ele é perigoso.

- O Cavani é uma pessoa muito generosa, que não se rende nunca e que fará o possível até a última hora para estar em campo. O Uruguai não é o mesmo sem ele. Cavani é um grande atacante, um dos melhores do mundo, e conhecemos sua qualidade. Será difícil substitui-lo - finalizou.