Olha o Modric chutando para explodir a crise na seleção da Argentina

Modric vem brilhando na Copa do Mundo (Foto: JOHANNES EISELE / AFP)

Pool da Copa
12/07/2018
07:55
Blick (Suíça)

A Croácia eliminou a pátria do futebol e está na final da Copa do Mundo. Os ingleses subestimaram seus oponentes na semifinal? Para o herói croata Modric a resposta é sim.

À primeira vista, é uma sensação. A Croácia, país com 4,2 milhões de habitantes, está na final da Copa do Mundo. Mas os conhecedores de futebol sabem: os croatas possuem um certo cavalo de batalha que joga no Liverpool chamado Dejan Lovren. Juntos no meio-campo a dupla de redemoinhos do Real Madrid e do Barcelona. As estrelas de Modric e Rakitic. Na frente, os croatas conmtam com Mandzukic, um oportunista de classe mundial.

Modric, o chefe no meio-campo croata, dá ao inglês, após o apito final, uma aula também fora de campo. Ele se concentra em reportar sobre o comportamento rival.

- Eu acho que eles nos subestimaram. Isso foi um erro. Nós lemos os jornais ingleses e falamos: Ótimo! Vamos ver quem está cansado. A imprensa deveria ser mais humilde e respeitar mais seus oponentes - disse ele.

Ele se senta na glória. Na Inglaterra, depois da fase de grupos e do aparentemente caminho da taça, eles já se consideraram na final da Copa do Mundo. Colômbia? Suécia? Croácia? Não soa como grandes nações do futebol.

A Croácia está prestes a se tornar uma. Depois de terminar em terceiro na Copa do Mundo de 1998, o título mundial está acenando vinte anos depois. Também graças a uma excelente Modric.

* O Pool da Copa é a união de grandes veículos de comunicação do mundo para um esforço de troca de informações. O objetivo é manter seus leitores por dentro do que acontece com as seleções de outros países, porém, com uma visão local.

Montagem Lance!/Blick
LANCE! e Blick são parceiros no Pool da Copa