Neymar - atacante -  PSG (FRA)

Neymar vai se apresentar  na próxima segunda-feira, na Granja Comary  (Foto: Pedro Martins / MoWA Press)

Paula Vieira*
14/05/2018
19:08
Rio de Janeiro (RJ)

Recuperado da pior lesão sofrida em sua carreira, Neymar, que passou por cirurgia para a correção de uma fratura no quinto metatarso do pé direito no início de março, realizou uma bateria de exames no último sábado e foi liberado pelo médico da Seleção Brasileira, Rodrigo Lamar, para retornar aos treinos.

Fora dos gramados desde o dia 25 de fevereiro, quando se lesionou durante a vitória do Paris Saint Germains por 3 a 0 sobre o Olympique de Marselha, pelo Campeonato Francês, o jogador também passou por avaliação do clube e iniciou os trabalhos com bola já neste domingo, gerando expectativa pela presença no treino aberto da equipe, marcado para esta quarta-feira, no Parque dos Princípes.


Durante entrevista coletiva concedida após a convocação dos 23 atletas que irão defender a Seleção Brasileira no Mundial de 2018, Rodrigo Lasmar, responsável pela cirurgia realizada no início de março para reparar a fratura de Neymar, mencionou a importância do trabalho conjunto, apontando o preparador físico Ricardo Rosa, que também faz parte da comissão técnica, apontando o profissional como uma das peças principais nos avanços mostrados pelo jogador.

- A participação do Ricardo na recuperação do Neymar foi fundamental. Ele nos auxiliou muito, porque o Neymar fez um trabalho de recuperação no primeiro momento, junto com o Rafael (Martini, fisioterapeuta do jogador), principalmente. A partir do momento em que ele teve condições de iniciar os trabalhos de cunho físico, o Ricardo abordou muito bem essa situação para que o Neymar tivesse uma evolução boa e hoje estivesse em condições de se apresentar na semana que vem, em boas condições para dar sequência ao seu trabalho.

Para o preparador físico da Seleção, Fábio Mahseredjian, o camisa 10 da equipe de Tite estará mesmo nível dos demais jogadores em breve. Até lá, seguirá fazendo um trabalho específico a parte:

- Nós acreditamos que o Neymar possa trabalhar com bola com todo o grupo já na semana que vem. Ele fará a avaliação física como todo mundo, mas ao mesmo tempo seguirá a rotina que vem tendo nesta etapa de sua recuperação.
A ideia da comissão técnica brasileira e poder contar com o jogadores nos dois últimos jogos preparatórios antes da estreia no Mundial, no dia 17 de junho, contra a Suíça, na cidade de Rostov.