RADAR/ LANCE!
14/12/2016
16:57
Chapecó (SC)

A Chapecoense não se animou com os jogadores oferecidos pelos clubes brasileiros para a reconstrução do seu elenco para temporada 2017. O clube catarinense não admite, mas não está satisfeita com as ofertas iniciais. A informação foi publicada nesta quarta-feira pelo site "GloboEsporte.com".

A alegação é que, quando a Chapecoense se interessa por algum jogador das categorias de base de outra equipe, a recomendação é que se fale com o empresário do atleta, o que tem irritado os dirigentes do clube.

Se os clubes brasileiros estão fracassando na tentativa de ajudar a Chape, o Barcelona (ESP) é o que mais auxilia. Por meio do ex-jogador Belletti, a equipe catalã ofereceu ajuda financeira, institucional, além de convidar a equipe catarinense para disputar o Troféu Joan Gamper em 2017, no Camp Nou. O convite logo foi aceito pelo clube brasileiro.

A maior preocupação, porém, é entregar ao novo treinador, Vágner Mancini, um elenco que possibilite ao treinador realizar uma pré-temporada. No momento a equipe tem nove atletas, só que oito tem contrato acabando em dezembro.